TJMG indefere recurso contra liminar que suspendeu Comissão Processante

TJMG indefere recurso contra liminar que suspendeu Comissão Processante

Comissão Processante - Foto: Jorge Mourão

Da Redação – O Tribunal de Justiça de Minas Gerais (TJMG) indeferiu o recurso contra a liminar que suspendeu a Comissão Processante (CP) da Câmara Municipal de Araxá , que investiga uma denúncia contra o prefeito Jeová Moreira da Costa. Os trabalhos estão suspensos até o julgamento do mérito da ação que pede o arquivamento do processo. O único depoimento que não aconteceu foi o do prefeito Jeová Moreira da Costa.

De acordo com o presidente da CP, Marco Antonio Rios (PSDB), a CP pode ser destituída para não ficar impedida de iniciar um novo processo. Segundo ele, essa nova ação pode acontecer com a denúncia de um dos vereadores ou de outro cidadão. Marco Antonio também não descarta a possibilidade de enviar a documentação já recolhida ao Ministério Público. Ele destaca que a CP deve divulgar tudo o que foi apurado enquanto estava ativa.

Questionado sobre o que foi apurado pela CP, o presidente diz que todo trabalho não será perdido e o que foi apurado será divulgado para toda a comunidade, como havia anunciado na última reunião ordinária da Câmara. “Com certeza nós não vamos varrer o lixo para debaixo do tapete.”

Notícias relacionadas