Uniaraxá aguarda vistoria do Ministério da Educação

Uniaraxá aguarda vistoria do Ministério da Educação

A Fundação Cultural de Araxá (FCA) está pronta para receber a vistoria do Ministério da Educação (MEC), que fará uma rigorosa inspeção em 33 mantenedoras mineiras para avaliar aquelas que estão aptas a ser credenciadas no Sistema Federal de Ensino.  A afirmação é do diretor Pedagógico e coordenador da FCA, José Gino Borges, que esteve no MEC nos dias 4 e 5 deste mês, juntamente com o reitor Válter Gomes e a vice-reitora e pró-reitora de Ensino, Lídia Maria de Oliveira Jordão Rocha da Cunha.

O Centro Universitário do Planalto de Araxá (Uniaraxá), segundo José Gino, é uma das instituições de ensino superior de Minas Gerais que mais se enquadram nas exigências do MEC, tanto no que se refere às instalações quanto na capacitação do seu corpo docente. “Dos nossos 120 professores, 45 são mestres ou doutores e os outros todos são especialistas em suas áreas. Temos também uma das melhores estruturas físicas do país”, afirmou.

Segundo o reitor Válter Gomes, a migração do sistema estadual para o Conselho Nacional de Educação já era prevista para cumprir um dispositivo legal que atribui a exclusividade do ensino superior privado à instituição federal. Para ele, essa mudança é uma grande satisfação para o Uniaraxá, porque os diplomas serão emitidos com a chancela federal, garantindo maior credibilidade aos cursos.

Até o final de abril toda a documentação deverá ser encaminhada ao MEC por via eletrônica e a partir daí, atendidas todas as exigências, o Uniaraxá estará automaticamente aprovado e credenciado no Ministério da Educação.

Notícias relacionadas