Super banner
Super banner

Vereadores mudam nome de árvore histórica e nomeiam espaço que não existe

Vereadores mudam nome de árvore histórica e nomeiam espaço que não existe

Entre projetos de nomeação de ruas, assinatura de convênios e doação de bens aprovados, na tarde de ontem (2), durante reunião ordinária da Câmara Municipal, dois projetos causaram polêmicas. O projeto de lei 205/08 que dispõe sobre denominação de logradouro público Praça da Liberdade e Árvore da Libertação (Árvore dos Enforcados) e o projeto de lei 242/08 denomina como Espaço do Conhecimento Embaixador Walter Moreira Salles a edificação a ser construída no local do antigo Mercado Municipal.

O projeto de lei 205/08 altera o nome da Árvore dos Enforcados para Árvore da Libertação. De acordo com o projeto 451, de 21 de setembro de 1979, exposto na placa fixada no local (foto), a árvore é imune de corte e tem nome histórico e turístico. De acordo com Glaura Teixeira Nogueira Lima, por ser historiadora ela não concorda com o projeto. “A árvore já tem uma identidade histórica. Trocar o nome dela é o mesmo que trocar o nosso nome ou o da cidade”, diz.

Glaura afirma que a árvore foi denominada em um momento histórico, de acordo com a realidade da época. “Não podemos esquecer que os negros sofreram atrocidades e após a escravidão eles conquistaram a liberdade, mas não quer dizer que não tenham passado por esse período”, destaca.

De acordo com o vereador Wellington, a idéia de mudar o nome da árvore veio através de uma sugestão do presidente da fundação Seicho-No-Ie, Nelson Coite, que alegou uma negatividade vinda do nome. O vereador também diz que a cidade está vivendo um momento com alto indice de suicídios e que o nome pode até estimular pessoas que estejam num momento ruim. Segundo ele, o novo nome traz uma imagem mais positiva à praça.

No portal da Secretaria de Estado de Turismo a árvore é lembrada pela lenda como um dos atrativos turísticos da cidade, de onde se tem uma ótima vista.

“No alto de um morro, na rua Gustavo M. Oliveira, está o imponente e frondoso pau-de-óleo, que evoca uma triste lenda. Certa vez, dois irmãos, escravos, cansados de serem brutalmente tratados pelo proprietário, assassinaram-no. O crime foi descoberto e os irmãos foram levados a julgamento. Segundo o veredicto de um júri popular, esse julgamento terminou com a sentença de enforcamento para os dois condenados. E foi nessa árvore que os dois irmãos foram enforcados. Após esse fato, conta-se, em Araxá, que nas frias noites de ventania pode-se escutar os tristes gemidos dos enforcados. Desse local, se tem uma ótima vista da cidade”.

Espaço do Conhecimento

Já o projeto de lei 242/08 (do Executivo) que denomina como  Espaço do Conhecimento Embaixador Walter Moreira Salles a edificação a ser construída no local do antigo Mercado Municipal foi contestado pelo vereador Carlos Roberto Rosa. Ele pediu vistas e foi negado pelos demais vereadores. Roberto alegou que não votaria em um espaço que nem mesmo está sendo construído e se absteve das votações da reunião ordinária.
No artigo nº 2 ainda consta que o Poder Executivo mandará afixar placa indicativa na edificação a ser construída.

Projetos aprovados

PL – 175/08 – dispõe sobre denominação de via pública – rua Theodora Teixeira Rezende.
PL – 177/08 – dispõe sobre denominação de via pública – av. José Adolfo Teixeira.
PL – 178/08 – dispõe sobre denominação de via pública – rua Anysio Roberto da Silva.
PL – 196/08 – desafeta bem imóvel do patrimônio público municipal – rua Lourival Pereira.
PL – 197/08 – adita parágrafo à Lei nº 4.817, de 01/03/06.
PL – 205/08 – dispõe sobre denominação de logradouro público e dá outras providências – Praça da Liberdade e Árvore da Libertação (Árvore dos Enforcados).
PL – 211/08 – acrescenta dispositivos à Lei Municipal nº 4.766, de 19 de outubro de 2005.
PL – 240/08 – dispõe sobre denominação de logradouro público e dá outras providências – Quadra de Esportes Evangelino Gonçalves de Souza.
PL – 241/08 – dispõe sobre denominação de logradouro público e dá outras providências – Quadra de Esportes Durval de Paula.
PL – 242/08 – denomina espaço público – Espaço do Conhecimento Embaixador Walter Moreira Salles, a edificação a ser construída no espaço do antigo Mercado Municipal.
PL – 246/08 – autoriza a assinatura de convênio e dá outras providências – Apae.
PL – 248/08 – autoriza doação de bens de propriedade do município – Santa Casa de Araxá.
PL – 249/08 – autoriza a abertura de crédito especial, ao Programa de Trabalho do Fundo Municipal de Saúde, e dá outras providências.
PL – 250/08 – autoriza a assinatura de convênio – Soproh.
acrescenta dispositivo a lei municipal nº 5.308 de 25 de junho de 2008, e dá outras providências.

Notícias relacionadas