Araxá recebe a Orquestra Filarmônica de Minas Gerais nos dias 5 e 6 de agosto; apresentação ao público acontece no sábado

Araxá recebe a Orquestra Filarmônica de Minas Gerais nos dias 5 e 6 de agosto; apresentação ao público acontece no sábado

Nos dias 5 e 6 de agosto Araxá recebe a maior Orquestra do Estado, a Filarmônica de Minas Gerais, com duas apresentações gratuitas no Teatro Municipal Maximiliano Rocha.

A programação conta com um concerto didático para cerca de 1.500 alunos das escolas da rede municipal na sexta-feira (5), às 15h30; e com um concerto gratuito aberto para a população, no sábado (6), às 20h.

Composta por 90 músicos do Brasil, Europa, Ásia e das Américas, a orquestra leva ao palco do Teatro Municipal uma variedade de estilos e as influências das raízes da música orquestral feita no país, sob a batuta do regente associado da Filarmônica, José Soares.

Entre as obras apresentadas, estão repertórios de grandes artistas como Alberto Nepomuceno, Eleazar de Carvalho, Francisco Mignone, Gilberto Mendes, Guerra-Peixe, Lorenzo Fernandez e Carlos Gomes. A organização promove ainda um curso de capacitação ministrado pelos profissionais da orquestra para professores de música de Araxá, visando a troca de experiências e conhecimentos.

A presidente da Fundação Cultural Calmon Barreto (FCBB), Cynthia Verçosa, destaca que a vinda de grandes eventos para Araxá é de suma importância no enriquecimento do cenário cultural da cidade.

“Por meio desta oportunidade fomentamos a cultura e o turismo, e oferecemos apresentações de qualidade. Além do concerto aberto à população, a Orquestra Filarmônica de Minas também traz um concerto didático, onde estamos fazendo uma união entre a Fundação Cultural Calmon Barreto e a Secretaria Municipal de Educação, levando estudantes ao evento e ampliando ainda mais o conhecimento dos araxaenses”, ressalta.

 Filarmônica é apresentada pelo Ministério do Turismo e CBMM, por meio da Lei Federal de Incentivo à Cultura, e conta com o apoio da Prefeitura de Araxá e da Fundação Cultural Calmon Barreto. A realização é do Instituto Cultural Filarmônica, da Secretaria Especial da Cultura e do Ministério do Turismo.

Notícias relacionadas

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *