Câmeras de videomonitoramento auxiliam na identificação, localização e prisão do autor de homicídio

Câmeras de videomonitoramento auxiliam na identificação, localização e prisão do autor de homicídio

A Central de Videomonitoramento Urbano, situada na Secretaria Municipal de Segurança Urbana e Cidadania, auxiliou na identificação, localização e prisão do autor de homicídio que ocorreu na Avenida João Paulo II na quarta-feira, 9 de outubro, e vitimou Jussie Martins Bezerra, de 48 anos, com esfaqueamento na região do peito e das costas. Antes do crime ter acontecido, as câmeras visualizaram a vítima com mais duas pessoas. As imagens da central ainda observaram atitude suspeita desses mesmos indivíduos, depois de ação ilícita. As viaturas da Polícia Militar foram acionadas e conseguiram prender quem cometeu o ato criminoso.

De acordo com o secretário Élvio Bertoni, o sistema é uma ferramenta moderna com tecnologia de ponta e imagens em alta definição que a Administração Municipal disponibiliza para as Polícias Militar e Civil e colabora com o trabalho eficiente de prevenção e repressão da violência e da criminalidade. São três guardas patrimoniais, coordenados por um integrante da Polícia Militar a frente desse eficaz sistema que contribui para Araxá ter sido eleita a segunda cidade mais pacífica do estado de Minas Gerais, a 12ª, do país, conforme pesquisa realizada pelo Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea) deste ano.

“Mais uma vez, o videomonitoramento demonstra a sua eficácia e se consolida como um instrumento de repressão e prevenção da violência e da criminalidade. Depois de imagens gravadas mais cedo, foi possível localizar três indivíduos nas imediações da Avenida João Paulo II, sendo um deles, a vítima do homicídio. A partir daí, fizemos rastreamentos em outras câmeras até chegar no autor. É um trabalho que apresenta bons resultados todo dia”, comentou o secretário.

Atualmente, o município conta com 55 câmeras de videomonitoramento instaladas e o prefeito Aracely de Paula já autorizou a Secretaria de Segurança Urbana e Cidadania estudar a ampliação do número desses equipamentos. “Consideramos de extrema importância para a comunidade em geral, além de ser ferramenta de apoio para acompanharmos o trânsito de toda a malha viária da cidade. Queremos que nossa cidade continue dentro desta realidade, tranquila e segura e continuaremos promovendo a parceria do município com os órgãos de segurança da cidade”, concluiu o prefeito Aracely.

Notícias relacionadas

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *