Prefeitura inicia criação do Plano Integrado de Segurança Pública

Prefeitura inicia criação do Plano Integrado de Segurança Pública

Araxá está classificada como a 12ª cidade mais segura do Brasil e a 2ª mais segura de Minas Gerais, de acordo com o estudo mais recente elaborado pelo Atlas da Violência. Com intuito de colocar a cidade entre as três mais seguras do país, a Prefeitura de Araxá promoveu, nesta terça-feira (27), uma reunião com diversos órgãos para a criação do Plano Integrado de Segurança Pública, autorizado pelo prefeito Robson Magela e coordenado pelo vice-prefeito e secretário municipal de Governo, Mauro Chaves. 

Ações de modernização, ampliação e proteção do patrimônio público são algumas das ações que serão desenvolvidas no plano. “Teremos nesse primeiro momento a estruturação do plano logístico, com a apresentação das demandas de cada instituição a curto, médio e longo prazo. O trabalho vai contemplar um projeto macro que será desenvolvido até 2024, iniciando no segundo semestre deste ano”, explica o vice-prefeito e secretário de Governo, Mauro Chaves. 

Ele acrescenta que, além de adequar o município para atendimento ao Sistema Único de Segurança Pública (SUSP), o plano definirá as metas e ações para que as esferas municipal, estadual e federal planejem e incluam nos orçamentos e Planos Plurianuais de Ações (PPAs) programas e projetos voltados à prevenção e o combate à violência e criminalidade, inclusive, integrando setores de assistência social, educação, cultura, esporte, lazer e infraestrutura urbana.

 Além do coordenador Mauro Chaves, o encontro contou com as participações do secretário municipal de Segurança Pública, major Eurípedes Lemos; comandante do 37º Batalhão de Polícia Militar, tenente-coronel Ademir Fagundes; chefe do 5º Departamento de Polícia Civil, Cezar Felipe Colombari da Silva; delegado regional de Polícia Civil, Vitor Hugo Heisler; diretores geral e adjunto do Presídio de Araxá, Juliano da Silva Faria e Fabiano Flávio da Silva; capitão da 2ª Companhia do Corpo de Bombeiros, Thiago Augusto Pereira; chefe de Instrução do Tiro de Guerra, subtenente Venildo Sales do Carmo; diretora da Apac, Maria Cristina de Oliveira Barreto.

Notícias relacionadas

Inscreva-se
Me avise:
guest
0 Comentários
Comentários em linha
Mostrar todos os comentários
0
Deixe seu comentário para essa notícia!x