Prefeito vê situação atípica e reafirma apoio a moradores e locais afetados pelas chuvas

Prefeito vê situação atípica e reafirma apoio a moradores e locais afetados pelas chuvas

Um trecho da Rua Pedro Adolfo, bairro Alvorada, foi interditado na manhã desta terça-feira, 19, após o asfalto ceder e abrir uma cratera que comprometeu a estrutura de uma casa próxima ao local. O desmoronamento foi ocasionado devido ao volume de chuva que atingiu a cidade nos últimos dias. São 19 dias de chuvas, sem parar. O prefeito Aracely de Paula esteve no local avaliando a situação.

De acordo com a Secretaria Municipal de Serviços Urbanos, uma parte da via ficará interditada e o bloqueio é por tempo indeterminado, visando principalmente à segurança dos moradores do entorno.

No local estão 20 funcionários da Prefeitura, entre agentes de trânsito, assistentes sociais, técnicos e engenheiros, além de funcionários da Secretaria do Gabinete do Prefeito que também acompanha a avaliação dos estragos gerados pela erosão.

Uma fissura na outra parte do asfalto foi detectada pelos engenheiros da Prefeitura e a área será totalmente isolada. A orientação aos moradores, próximos ao local, é que evitem a circulação nas proximidades do desmoronamento.

Após a visita dos assistentes sociais da Prefeitura, laudo do Corpo de Bombeiros e avaliação pelos órgãos competentes das Secretarias Municipais, a Prefeitura optou por alugar uma casa e transferir a família do motorista Luiz Donizete Graciano da casa que ficou com a estrutura abalada.

O prefeito Aracely de Paula passou a manhã visitando os bairros da cidade e mantém uma equipe de alerta diuturnamente, lamenta mais esse ocorrido, desde a semana passada que vem somando esforços para solucionar os problemas ocasionados pelas chuvas.

“É a primeira vez que nossa cidade é atingida por um desastre de tamanha proporção, é uma situação atípica. Por isso estamos trabalhando incansavelmente para tentar minimizar os problemas e quero dizer aos moradores de todos os locais atingidos, tudo que depende da Prefeitura está sendo feito, tanto no aspecto legal, quanto no aspecto social e humano. Estamos dando toda assistência necessária à população desde a semana passada quando ocorreram os primeiros incidentes”.

 

 

 

Notícias relacionadas

Deixe um comentário: