Santa Casa e Casa do Caminho realizam prestação de contas na Câmara Municipal

Santa Casa e Casa do Caminho realizam prestação de contas na Câmara Municipal

Atendendo uma solicitação do vereador Luiz Carlos, a Câmara Municipal realizou uma Audiência Pública para que a Santa Casa de Misericórdia e o Hospital Casa do Caminho, apresentassem suas prestações de contas dos recursos advindos de contratos/convênios vigentes (e respectivos planos de trabalho) firmados com a Prefeitura de Araxá. A sessão foi realizada no Plenário Guilherme Gotelip Neto na tarde desta quinta-feira (17).

A reunião contou com a presença de vereadores, funcionários de ambos hospitais, membros dos conselhos das instituições e do Conselho Municipal de Saúde, comunidade e imprensa.

Abrindo os trabalhos da tarde, Valdilene Lemos, diretora administrativa e financeira da Santa Casa, deu detalhes de como os valores repassados através de convênios firmados com o município foram utilizados para montagem e manutenção dos leitos para combate à Covid-19. Valdilene também destacou o déficit financeiro da instituição, que é de cerca de R$ 17 milhões.

Em seguida, o presidente do Conselho Fiscal, Jorge Akel, falou sobre a atual situação financeira da Santa Casa. Ele apontou dívidas que existem há mais de dez anos e destacou sua preocupação com os débitos trabalhistas, principalmente relacionados ao Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS). Outro problema constante trata-se da falta recursos para a folha salarial. “Sem pagar em dia os funcionários, a gente não consegue ninguém para trabalhar”, afirma.

Representando a Casa do Caminho, a superintendente hospitalar Glória Cristina de Castro Ferreira, apresentou os dados da instituição que hoje tem 31 leitos de clínica médica/cirúrgica, bloco cirúrgico com três salas, 10 leitos de UTI, a longa permanência conta com 65 leitos.

Glória informou que a folha de pagamento é a principal fonte de despesas do hospital. Ainda, de acordo ela, a Prefeitura de Araxá auxilia com o pagamento dos honorários médicos através de um dos convênios. Ela detalhou como os repasses do município foram gastos e esclareceu que, dentro do possível, a Prefeitura tem se empenhado para ajudar a instituição, inclusive com a complementação do valor pago pelo Sistema Único de Saúde (SUS).

Os vereadores fizeram perguntas e aproveitaram a oportunidade para exaltar o trabalho das duas instituições de saúde, que desempenham importante papel para a comunidade de Araxá.

Notícias relacionadas

Inscreva-se
Me avise:
guest
0 Comentários
Comentários em linha
Mostrar todos os comentários
0
Deixe seu comentário para essa notícia!x