Mais dois acusados por assalto ao Banco do Brasil são presos

Mais dois acusados por assalto ao Banco do Brasil são presos

Da Redação/Jorge Mourão – Mais dois acusados de terem participado do assalto na agência local do Banco do Brasil foram presos. Eduardo de Teixeira de Melo (Pretinho) se apresentou na Delegacia Regional de Polícia Civil de Araxá na noite da última sexta-feira (28), e Jhonatan Humberto da Silva (Gordinho), que confessou a participação do roubo de R$ 100 mil da agência durante a abordagem da Polícia Militar. Os dois acusados estavam em Uberaba e estão presos em Araxá à disposição da Justiça.

No caso de Eduardo, em entrevista ao Jornal da Manhã (Uberaba), o delegado Heli Andrade disse que recebeu uma ligação de um detetive que conhecia Eduardo. “O policial me disse que o irmão dele queria apresentá-lo para mim”, confirmou.

De acordo com o delegado, Eduardo seria um dos assaltantes que estaria armado durante o assalto. Com a prisão dele, a polícia agora procura o dinheiro e os outros envolvidos no assalto ocorrido na quinta-feira passada (27). Três suspeitos foram detidos na semana passada pela polícia – o adolescente L.R.B.D., 17, Jefferson Rodrigo Borges Dantas, 23, e Guilherme Augusto Oliveira Silva, 18.

Notícias relacionadas