Secretaria de Desenvolvimento Econômico faz reunião com empreendedores

Secretaria de Desenvolvimento Econômico faz reunião com empreendedores

A Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico e Parcerias reuniu empreendedores individuais, nesta terça-feira (16), para detectar as dificuldades e traçar um perfil desses profissionais em Araxá. A reunião ocorreu na sede da Associação Comercial e Industrial de Araxá (Acia), entidade que, juntamente com a Prefeitura Municipal e o Serviço Brasileiro Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae), é parceira na viabilização de cursos.

De acordo com secretário Leandro Haddad, uma pesquisa foi feita pela pasta para promover essa primeira reunião e apresentar os resultados do levantamento. Em Araxá, o número de empreendedores individuais chega a 2,7 mil.

“É uma força econômica muito importante, e então a Prefeitura Municipal tem uma preocupação com esse grupo de pessoas porque elas poderão ter um crescimento cada vez maior na questão financeira, como também na própria maneira de tratar o mundo e o mercado. Crescendo, podem, depois de empreendedor individual, ser um empresário que pode contratar mais pessoas, gerar mais receita e mais renda”, diz.

Os empreendedores receberam um questionário para preenchimento de dados pessoas e ramo da atividade. Essas informações servirão para que a equipe da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico e Parcerias que promova mais reuniões com esse setor.

“Geralmente, são pessoas que não viviam no mercado empresarial, e tudo é novo para elas. Essa parceria entre a Prefeitura Municipal, o Sebrae e a Acia para ter esse apoio será muito importante para o crescimento. Citei a elas alguns exemplos de informais que viraram grandes empresários”, reforça o secretário.

Depois da reunião, Leandro Haddad informou ainda que a Secretaria de Desenvolvimento Econômico e Parcerias vai elencar quais serão os principais cursos para os empreendedores individuais.

“Vamos convidá-los para participar desses cursos e começar a medir os resultados que eles estão tendo com intuito de verificar se realmente estamos atendendo as demandas. O conhecimento ajuda as pessoas a tomarem decisões mais sábias”, conclui o Leandro Haddad.

Notícias relacionadas