Super banner
Super banner

Técnico de segurança embriagado atropela adolescente

Técnico de segurança embriagado atropela adolescente

Na madrugada de domingo (22), um office boy de 17 anos que estava caminhando pela avenida Honório de Paiva Abreu, no Bela Vista, foi atropelado por uma moto.

O veículo era conduzido por um técnico de segurança, de 24 anos. Eles foram socorridos por pessoas que passavam pelo local e levados ao Pronto Atendimento Municipal (PAM). O condutor disse que o adolescente surgiu de repente e por isso ele não conseguiu parar.

A vítima sofreu escoriações e ficou em observação. Já o motociclista, além das escoriações, teve um corte no queixo e nas mãos, mas foi liberado. A Polícia Militar (PM) foi acionada e constatou que o condutor havia bebido. Ele foi preso, multado, teve a carteira de habilitação recolhida e a moto levada para o pátio credenciado do Detran.

Santa Luzia

Homem de 52 anos é preso por ato obsceno

Na noite de sábado, a PM foi acionada por uma adolescente de 17 anos e esteve na rua Perdizes, no bairro Santa Luzia.

A menor disse aos militares que um homem de 52 anos estava na porta de sua casa, mostrando o órgão genital. A ação também foi flagrada por um homem de 23 anos.

A PM foi até o local e conseguiu localizar o acusado, que estava dentro de um carro, com uma faca. Ele foi preso em flagrante e levado para a Delegacia de Polícia Civil, onde ficou à disposição do delegado plantonista

Salomão Drummond

Dois adolescentes são apreendidos suspeitos de envolvimento com o tráfico

A PM realizava patrulhamento preventivo na noite da última sexta-feira (20) pela rua Claudionor Afonso Rezende, no Salomão Drummond.

No local, os policiais militares encontraram um adolescente de 15 anos e pediram para que ele fosse para a casa, já que estava tarde. Os militares também perceberam que ele já tinha cumprido uma medida socioeducativa no Cerad há pouco tempo.

Os policiais deram sequência ao patrulhamento e localizaram o mesmo menor na rua Dr. Atílio Colombo. Ele foi abordado e advertido novamente, mas não acatou as ordens dos militares e entrou em um bar.

A PM conseguiu chegar até e ele, mas outro menor, de 17 anos, que estava no bar tentou correr para o banheiro e também foi abordado. Com ele, os policiais localizaram 10 pedras de crack e duas porções trituradas da mesma droga e certa quantia em dinheiro. Na casa deste menor, ainda foram encontrados um pen drive e um documento de outra pessoa.

Ele assumiu ser o dono da droga, mas disse que era usuário. Porém, os militares não perceberam nenhum indício de que o menor era viciado.

A mãe do menor disse que ele passa à noite na rua envolvido com pessoas suspeitas de tráfico de drogas. Com o outro menor, que se recusou a ir para a casa, os militares encontraram dinheiro e os dois foram levados para a Delegacia de Polícia Civil para as demais providências.

Notícias relacionadas