Super banner
Super banner

Prefeitura de Araxá reestrutura fiscalização contra a Covid-19

Prefeitura de Araxá reestrutura fiscalização contra a Covid-19

Atendimento de denúncias e reclamações de descumprimentos das restrições impostas pelo decreto municipal e das medidas de distanciamento. A Prefeitura de Araxá reestruturou o serviço da Força-Tarefa para combate ao avanço da pandemia. Com o fim da Onda Roxa imposto pelo Governo do Estado, o município intensificou o trabalho nas ações de fiscalização no comércio em geral, ranchos, chácaras e locais de maior aglomeração.

Com a reestruturação, o trabalho será realizado com parte dos servidores contratados e efetivos treinados durante os 30 dias da Força-Tarefa. As barreiras sanitárias implantadas em pontos estratégicos nas entradas da cidade também foram encerradas. Já o trabalho de call center e chatbot implantado para receber as denúncias continuam funcionando em novo formato.

De acordo com o coordenador da fiscalização, o major Paulo Roberto Arduini, o trabalho de 30 dias da Força-Tarefa foi realizado de forma positiva. “Acredito que os fiscais foram, ao longo dos dias, sendo instruídos sobre a importância do trabalho de fiscalização e acabaram, assim, captando o que a gente realmente se propunha a fazer. Um trabalho mais de prevenção e instrução da população. Agora, o momento é de fiscalizar e realizar as notificações daqueles que descumprem os protocolos de segurança sanitária e medidas de restrições”, destaca.

Call Center da Prefeitura de Araxá realiza mais de 1.500 atendimentos em 30 dias

Tecnologia usada por trinta dias resultou em 1.557 atendimentos, quase 70% deles (1.080) de pessoas denunciando algum tipo de aglomeração. Um dos atendimentos mais recorrentes durante o trabalho do call center e chatbot implantado pela Prefeitura de Araxá foi de pessoas com diagnóstico positivo para a Covid-19 que estavam trabalhando ou circulando nas ruas da cidade e supermercados.

Uma ferramenta que foi bem aceita pelos araxaenses foi o chatbot, um programa de computador que simula um ser humano conversando com as pessoas. Implantado como parte da Força-Tarefa da Prefeitura de Araxá, o objetivo do projeto foi alcançado. O serviço de fiscalização implantado em março continua em novo formato.

“A avaliação é muito positiva. Era muito recorrente as aglomerações, principalmente em chacreamentos. Aos finais de semana, a Polícia Civil, a Polícia Militar, Vigilância Patrimonial, Vigilância Sanitária e a Asttran fizeram ações eficientes, inclusive até com o uso de drone. Agora o trabalho continua em novo formato. O que nós vamos fazer agora é atuar frente aos comércios justamente para respeitar o horário e evitar aglomerações”, explica o vice-prefeito e secretário municipal de Governo, Mauro Chaves.

O número de WhatsApp (34) 9.9257-1122 continua funcionando como o canal de comunicação da população para que irregularidades sejam denunciadas.

Notícias relacionadas

Inscreva-se
Me avise:
guest
0 Comentários
Comentários em linha
Mostrar todos os comentários
0
Deixe seu comentário para essa notícia!x