Super banner

Projeto Viva a Vida supera expectativa e atende mais de 270 crianças e adolescentes em Araxá

Projeto Viva a Vida supera expectativa e atende mais de 270 crianças e adolescentes em Araxá

Desenvolver a coordenação motora e a habilidade social de crianças e adolescentes. Este é o papel do Projeto Viva a Vida, uma iniciativa da Prefeitura de Araxá que busca promover atividades esportivas direcionadas ao público em situação de vulnerabilidade de 6 a 17 anos atendido pelos Núcleos de Convivência, Centros de Referência de Assistência Social (CRAS) e Centro de Referência Especializado em Assistência Social (CREAS).

O projeto envolve as Secretarias Municipais de Ação Social, de Esportes e de Educação para que atividades de natação, tênis e futebol possam ser oferecidas gratuitamente ao público beneficiado.

O projeto conta ainda com equipe técnica de psicólogos, assistente social e pedagogo para o desenvolvimento socioeducativo e a proteção da saúde física e mental dos alunos, combatendo o consumo de drogas e a violência e abuso infantil.

Os contemplados com o projeto recebem ainda uniformes (maiôs, sungas, camisetas, shorts, shorts-saias e tênis) e todo o material esportivo necessário para desenvolvimento das atividades. Há também o fornecimento de lanche e transporte os alunos.

O Projeto Viva a Vida foi desenvolvido para atender 160 crianças e adolescentes. No entanto, devido à grande demanda, recebe atualmente 274 beneficiários, além de contar com uma lista de espera que já possui 156 interessados.

As atividades são realizadas de terça a sexta, das 8h às 11h e das 14h às 17h, no sistema de contraturno escolar, no Centro Esportivo Álvaro Maneira (antigo ATC). Os interessados devem estar matriculados e frequentes na rede escolar pública e as inscrições podem ser feitas através dos Núcleos de Convivência ou no próprio Centro Esportivo.

Segundo o prefeito Robson Magela, o projeto tem como objetivo promover oportunidades de acessibilidade, promoção social e humana, integridade física, psicológica e moral às crianças, adolescentes e também aos familiares.

“O esporte não favorece apenas o desenvolvimento físico, mas também oferece a oportunidade de fazer escolhas conscientes e exercer a cidadania desde cedo. Vemos crianças e adolescentes criando memórias positivas para toda a vida, projetando para um futuro melhor”, reforça o prefeito.

De acordo com a coordenadora do projeto, Ana Lúcia Silva, este é um investimento imprescindível para o futuro dos atendidos.

“A expectativa é que o número de beneficiários do projeto seja ainda mais ampliado e esperamos atender a todos no próximo semestre. Todos os dias conhecemos histórias de jovens que participam do projeto e que estão sendo transformados por intermédio dele. E é claro que queremos ver esta mudança no maior número de pessoas possíveis”, afirma a coordenadora.

Notícias relacionadas

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *