Informalidade cai com a chegada do Pop Shop

Após várias datas anunciadas no decorrer de pouco mais de um ano e meio, a Prefeitura de Araxá realizou a solenidade de inauguração do Pop Shop, na manhã de hoje (29), na avenida Vereador João Sena, 118, Centro. O espaço vai abrigar os ex-ambulantes (agora microempresários) que trabalharam no já demolido mercado municipal, que vai dar espaço para um centro cultural, e estavam instalado provisoriamente no antigo supermercado Big da rua Padre Anchieta.

O moderno prédio assinado pelo arquiteto Marcello de Gusmão Machado possui cerca de 800 m², 23 boxes, banca de jornais e revistas, praça de alimentação, banheiros, copa e sala administrativa.

“É uma emoção muito grande, a ficha da gente não caiu ainda. Estávamos na condição de ambulantes, num espaço precário (mercado municipal) e agora somos microempresários e vamos trabalhar neste ambiente maravilhoso”, diz, bastante emocionada, a presidente da Associação Pop Shop de Araxá. Ronilda de Fátima Batista, que trabalhou no mercado municipal há mais de 15 anos.

Os novos microempresários saíram da informalidade através de cursos de qualificação (parceria com a Acia e Sebrae), além dos produtos serem adquiridos com nota fiscal pela associação e repassados aos vendedores.

O secretário municipal de Desenvolvimento Urbano, Luiz Alberto Balieiro (Ziza), diz que foram investidos cerca de R$ 450 mil na construção do Pop Shop, através da Parceria Público-Privada (PPP) entre prefeitura e Companhia Brasileira de Metalurgia e Mineração (CBMM). Ziza explica que atraso da inauguração do Pop Shop aconteceu devido à desapropriação do mercado municipal para atender o projeto de revitalização do Centro de Araxá.

“Tivemos um atraso bastante significativo porque o processo de desocupação das antigas lojas do mercado demandou mais recursos dos que foram previsto inicialmente, sendo que eles já estavam alocados para a construção do Pop Shop. Mas tivemos a oportunidade de fazer um novo projeto do prédio que deu a ele uma moderna arquitetura e comodidade para que os vendedores exerçam seus negócios”, afirma o secretário.

Em seu pronunciamento, o prefeito Antônio Leonardo Lemos Oliveira destacou que o seu governo vem conquistando grandes resultados no fortalecimento e desenvolvimento do comércio de Araxá. “Para se ter uma idéia, 95% das compras da prefeitura são feitas no comércio local, com exceção de medicamentos porque, infelizmente, não existem laboratórios em Araxá.”

A solenidade de inauguração atraiu centenas de pessoas e teve a bênção do padre Sandro Romério de Lima, pároco da Paróquia de São Sebastião.

Notícias relacionadas