Super banner
Super banner

Cerca de R$ 5 milhões foram desviados da PMA por meio de contratação de vans, indica investigação da Polícia Civil

Cerca de R$ 5 milhões foram desviados da PMA por meio de contratação de vans, indica investigação da Polícia Civil

Coletiva concedida pelo delegado Renato de Alcino Vieira, que coordena a Operação Malebolge em Araxá, revelou a investigação de desvio de mais de R$ 5 milhões por meio de contratos da Prefeitura de Araxá com uma empresa de prestação de serviço de transporte por vans.

Vinte e três mandados de busca e apreensão foram realizados na terça-feira (11), com cinco pessoas presas temporariamente – dois casais; Lucimary Ávila (ex-secretária de Governo e atual assessora executiva) e Leovander Gomes de Ávila (assessor 1) e Vitor Hugo Silva e Élida Cristina Pereira da Silva (sócios da empresa investigada), além do assessor Zeceli Campos Ribeiro.

Foram apreendidos veículos, joias, equipamentos eletrônicos, dinheiro e documentos contábeis.

Entre os locais de busca estão as duas sedes da Prefeitura de Araxá – rua Presidente Olegário Maciel e Centro Administrativo -, a sede da Secretaria Municipal de Ação e Promoção Social, no bairro Santa Rita e a residência dos assessores Lucimary e Leovander.

Segundo o delegado, a operação realizava desvio de dinheiro público superfaturando valor de viagens prestadas pela empresa a serviço da prefeitura. Nos inquéritos instaurados, foram identificados, de acordo com Renato de Alcino, crimes de corrupção, lavagem de dinheiro, falsidade ideológica, organização criminosa, entre outros.

Um fato que também chamou a atenção foi a contratação de viagens que no período de um mês percorreram 29 mil quilômetros, segundo a operação.

Os cinco presos serão interrogados nesta quinta-feira (13).

Leia também: Operação Malebolge: Polícia Civil pede afastamento de secretário de Ação e Promoção Social e de dois assessores que estão presos

Notícias relacionadas

Inscreva-se
Me avise:
guest
9 Comentários
Novos
Antigos Mais votados
Comentários em linha
Mostrar todos os comentários
9
0
Deixe seu comentário para essa notícia!x