Super banner
Super banner

ExpoAraxá 2012 busca ser a maior do Girolando do Brasil

ExpoAraxá 2012 busca ser a maior do Girolando do Brasil

Fotos: Caio Ranieri

Da Redação/Via Ascom – O Parque de Exposições Agenor Lemos já está recebendo os animais que vão participar do Torneiro Leiteiro 2012, que acontece desta segunda-feira (2) até o dia 5, na 38º Exposição Agropecuária de Araxá, organizada pela Associação dos Ruralistas do Alto Paranaíba (Arap).

Segundo Fábio Alves Rios, coordenador técnico da Arap, a ExpoAraxá está recebe animais de Estados como Goiás, São Paulo, Rio de Janeiro e Pernambuco. “O Torneio Leiteiro começa nesta segunda-feira, às 14h ,e a expectativa é muito grande. São animais de alta produção vindos de diversas partes do Brasil. Neste ano devemos ter recorde de participação no Torneio Leiteiro da ExpoAraxá”, explica.

O dono da vaca com o melhor desempenho na competição leva um carro zero como premiação. Fábio conta que esse presente será dado para o animal que se aproximar ou ultrapassar o recorde da categoria onde ele está enquadrado. “O recorde mundial da raça é de uma vaca meio-sangue que deu 82 quilos de leite. Agora, temos outros recordes nas categorias próprias. Vamos ter oito categorias aqui dentro. Vamos ter nesse período dez ordenhas. A ordenha de maior produção vai ser descartada. Vão ficar nove e elas que determinam o recorde”, ressalta.

Exposição de Girolando e Gir Leiteiro

Fábio relata que para a mostra do Girolando são esperadas mais de 700 cabeças. Se isso se confirmar, a ExpoAraxá passa a ser a maior exposição do Brasil da raça. A entrada oficial é nos dias 8 e 9 de abril “Temos inscritos mais de 700 animais e isso já é um recorde nacional de participação da raça. Nunca houve uma exposição com esse volume de Girolando. É o reconhecimento do trabalho de tantos anos da Arap”.

Para o Gir Leiteiro, na segunda fase, são aguardados em torno de 200 animais. Esse é o primeiro ano que esse tipo de exposição é feita em Araxá. “Pela primeira vez vamos homologar na nossa cidade. Estamos iniciando esse trabalho e esperamos colher bons frutos”. Para receber os animais, algumas melhoras dentro do parque foram feitas como a construção de barracões fixos no lugar dos alternativos que eram montados anualmente.

Notícias relacionadas