Super banner
Super banner

SES lista dicas de como ter um Carnaval saudável

SES lista dicas de como ter um Carnaval saudável

SES lista dicas de como ter um Carnaval saudável 1

Da Redação – A época do Carnaval é caracterizada por muitos dias de folia, o que significa atividade física e suor em excesso, ingestão de bebidas alcoólicas e poucas horas de sono. Por isso, a Secretaria de Estado de Saúde (SES) dá dicas para o folião curtir ao máximo o Carnaval sem que o corpo fique exausto e sem estragar a festa de ninguém, cuidando da alimentação antes, durante e depois da folia.

De acordo com a nutricionista do Núcleo de Alimentação e Nutrição da SES, Joyce Xavier, geralmente durante o Carnaval, as pessoas nem se lembram dos cuidados com a alimentação.

“Alguns preparos saudáveis e práticos podem evitar que os efeitos das bebidas, comidas, o alto gasto energético, longa exposição ao sol e poucas horas de sono que agridem de forma exagerada o organismo. Nessas situações de grande estresse físico, o sistema imunológico fica debilitado, abrindo caminho para contrair doenças e infecções”, explica.

Dicas para um Carnaval saudável

– A hidratação é fundamental para garantir disposição nesta época. Inicie a hidratação com antecedência. É necessária a ingestão diária de 2 a 3 litros de líquidos (água, sucos de frutas e água de coco). A hidratação deve ser feita não só antes, mas durante e após para repor tudo o líquido perdido.

– Evite alimentos gordurosos, pois, além de favorecerem o ganho de peso, tornam a digestão mais lenta, com a sensação de estufamento. Consuma carnes magras como filé de frango, de peixe ou peito de peru e escolha os queijos magros e leite desnatado, por exemplo.

– Faça uma refeição ou um lanche “reforçado” com alimentos ricos em carboidratos (pão, arroz, batata, mandioca, milho, macarrão) antes de sair para a festa, para ter bastante energia na hora da folia.

– Pratique atividade física, principalmente aeróbica, (para aumentar a sua resistência física) nos dias que antecedem a festa.

– Alimente-se durante a festa e não fique mais que 4 horas sem se alimentar.

– Caso consuma bebidas alcoólicas, beba com moderação e nunca com o estômago vazio. As bebidas são muito calóricas e aumentam a diurese, o que pode elevar o risco de desidratação. Intercale as bebidas alcoólicas com água e alimentos (sementes oleaginosas: castanhas, amendoim ou azeitonas), para retardar o efeito do álcool. A água irá proporcionar a eliminação mais rápida dos metabólicos do álcool.

– O consumo de bebidas energéticas deve se limitar a uma lata por dia, porque cada pessoa reage de uma forma diferente e algumas sentem um grande mal estar e coração acelerado.

– Após a folia tenha uma boa “noite” ou “dia” de sono. O ideal é dormir de 6 a 8 horas ao dia, para se regenerar.

– Dê preferência aos alimentos fontes de vitaminas antioxidantes (vitaminas A, E e C) que diminuem a ação prejudicial do aumento de radicais livres (substâncias oxidativas) ocasionada nesta condição de maior desgaste físico. Exemplo: cenoura, mamão, abóbora, agrião, couve, espinafre e brócolis, óleos vegetais, gérmen de trigo, cereais integrais e os vegetais de folhas verdes, frutas cítricas como laranja, limão, acerola, entre outras.

Via Agência Minas

Notícias relacionadas