Super banner
Super banner

Vereadores Cachoeira e Marcílio são presos temporariamente pela Polícia Civil

Vereadores Cachoeira e Marcílio são presos temporariamente pela Polícia Civil

 Cachoeira e Marcílio sendo encaminhados à Delegacia Regional - Foto: Imprensa Araxá

Os vereadores Carlos Alberto Ferreira (Cachoeira) e Marcílio de Faria foram presos temporariamente, por meio da Operação Queda D’água deflagrada pela Polícia Civil de Araxá,  na noite desta quarta-feira (9).

Os dois vereadores também são suspeitos por compra e venda de apoio político no processo de eleição e releição de Miguel Júnior à presidência da Câmara Municipal.

Cachoeira na viatura da Polícia Civil - Foto: Imprensa Araxá

Miguel Júnior, que renunciou ao seu mandato nesta terça (8), e sete vereadores estão sendo investigados até o momento. Cachoeira e Marcílio foram afastados de suas funções no Legislativo.

Marcílio na viatura da Polícia Civil - Foto: Imprensa Araxá

A medida foi referendada pelo Ministério Público e deferido pela Justiça Criminal de Araxá. De acordo com a Polícia Civil, os dois passarão por exame de corpo de delito e encaminhados ao Presídio Regional de Araxá. Eles devem ser ouvidos pela na próxima sexta-feira (11) à tarde.

Notícias relacionadas