Araxá participa do 28º Congresso Nacional de Laticínios

Araxá participa do 28º Congresso Nacional de Laticínios

Da Redação – Os produtores rurais de Araxá e região estiveram representados no maior evento de difusão de tecnologias sobre leite e derivados da América Latina. O vice-presidente da Companhia de Desenvolvimento de Minas Gerais (Codemig), Antônio Leonardo Lemos Oliveira (Toninho), participou do 28º Congresso Nacional de Laticínios que contou com premiações, palestras e debates sobre temas relacionados a ciência, tecnologia e nutrição em leite e derivados.

O evento, organizado pela Empresa de Pesquisa Agropecuária de Minas Gerais (Epamig), foi realizado na Expominas e Instituto de Laticínios Cândido Tostes (ILCT), em Juiz de Fora, e contou com a presença de 14 mil visitantes.

O congresso, idealizado por um grupo de técnicos e professores do ILCT, conquistou reconhecimento junto à comunidade científica e atualmente é considerado marco na história do agronegócio do leite no Brasil – segmento indústria. O fórum é o único destinado exclusivamente a discussões e ações pertinentes e inerentes à indústria de laticínios brasileira, bem como uma oportunidade de reciclagem do conhecimento para técnicos em leite e derivados.

A ideia é levar aos participantes uma visão estratégica do futuro, em que predominará a competitividade empresarial. Os mais recentes trabalhos técnicos científicos, o que há de mais moderno em máquinas, equipamentos, embalagens e ingredientes para a indústria de laticínios também foram expostos no congresso.

De acordo com Toninho, o congresso presta valiosas contribuições técnico-científicas para a cadeia agroindustrial do leite. “Por meio de cursos, palestras, mesas-redondas e painéis, cujo os temas têm sido de grande interesse e aplicabilidade para os profissionais e estudantes da área, nós adquirimos conhecimento e qualificação para aplicação de projetos que acelere o desenvolvimento agroindustrial”, afirma.

“Os caminhos e as oportunidades que surgem para o agronegócio aliado à alta tecnologia da indústria criam boas expectativas para os produtores rurais de todo o Estado. Pela grande movimentação de negócios que tivemos durante o congresso, cerca de R$ 140 milhões (20% a mais que 2010), podemos mensurar o tamanho da importância economia do setor para todo o país”, destaca o vice-presidente da Codemig.

Notícias relacionadas