Exportações do agronegócio de Minas crescem 16,8%

Exportações do agronegócio de Minas crescem 16,8%

As exportações do agronegócio mineiro movimentaram US$ 4,1 bilhões de janeiro a setembro de 2008, representando um aumento de 16,8% em relação ao mesmo período do ano passado. Os números foram consolidados pela Secretaria de Estado de Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Seapa), com base nos dados do Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior (MDIC).

A venda de produtos lácteos foi um dos maiores destaques no período. O crescimento foi de 300,2% em relação aos nove primeiros meses de 2007. O comércio, principalmente de leite em pó, rendeu US$ 194 milhões e as exportações de milho, embora ainda pouco representativas para a balança comercial de Minas Gerais, também apresentaram um crescimento expressivo. A alta foi de 101,6% e as vendas, de janeiro a setembro de 2008, movimentaram US$ 39,9 milhões.

O café, responsável pela metade do valor das exportações do agronegócio do Estado, teve um crescimento de 11,8% nos nove primeiros meses deste ano em relação ao mesmo período de 2007. Os negócios em 2008 chegaram a US$ 2 bilhões.

No setor de carnes, as vendas de US$ 506,8 milhões apresentaram um crescimento de 9,2% em relação ao ano de 2007. As vendas de carne de frango cresceram 42% e as de carne suína aumentaram 83%. Já as vendas de carne bovina, no período, apresentam uma retração de 17%.

O valor das exportações do complexo soja (grão, farelo e óleo) foi de US$ 230 milhões e cresceu 38% em relação aos nove primeiros meses de 2007. As vendas de óleo cresceram 56% e as de grão 46%. Por outro lado, o valor das exportações de farelo de soja caiu 19,8%.

O setor de madeiras e derivados, outra força das exportações do agronegócio mineiro, registrou um crescimento de 9,5% nas vendas dos primeiros nove meses do ano, que somaram US$ 474 milhões. Já o valor das exportações de açúcar, US$ 233 milhões, e de álcool, US$ 81,5 milhões, apresentaram uma queda de 5% e 1,6%, respectivamente.

Destaque

As vendas externas do agronegócio mineiro, apenas no mês de setembro, cresceram bem acima da média do acumulado do ano e em relação ao mesmo mês do ano passado. O valor das exportações estaduais aumentou 51%, na comparação com setembro de 2007. Foram negociados, em setembro deste ano, US$ 299 milhões.

Quase todos os principais setores do agronegócio mineiro apresentaram crescimento em setembro de 2008. O valor das vendas de café subiu 49,6%. O grupo das carnes teve um aumento de 37,5%. Até as vendas de carne bovina, que no acumulado do ano apresentaram retração, tiveram um crescimento positivo, em setembro deste ano, de 50,5% na comparação com o mesmo período de 2007.

As vendas do complexo soja registraram aumento de 147%, com destaque para as exportações do óleo, que subiram 821%. As exportações de açúcar, em setembro, cresceram 45% e as de álcool subiram 62%.

O grupo de madeiras e derivados foi um dos poucos que apresentaram retração na comparação com setembro de 2007. A queda foi de 26%.

Notícias relacionadas