Heli Andrade fala sobre homicídios no “Sem Censura”

Heli Andrade fala sobre homicídios no “Sem Censura”

Foram registrados em Araxá até o dia 30 de março deste ano dois homicídios. Nos dois primeiros meses do ano não houve registros desse crime, sendo que os dois assassinatos foram registrados em março. O primeiro aconteceu na noite do dia 2, quando Diogo Gabriel Alencar foi morto com uma facada na avenida João Pulo II por João Batista de Oliveira. O segundo homicídio foi registrado na madrugada do dia 15 no Lago Norte da Estância Hidromineral do Barreiro. André Luiz da Silva (Negão) foi morto a facadas por Wguedson Santiago Alves. Os autores dos dois homicídios estão presos.

O delegado Heli Andrade participou da última edição do programa Sem Censura e falou sobre os dois homicídios registrados em Araxá até o momento. Ele afirmou que homicídios, assim, são crimes que a polícia não consegue evitar por serem frutos de discussões. Não foram crimes planejados.

Heli salientou que o número de homicídios neste ano em Araxá está dentro do aceitável, mas que em 2013 foi muito alto. Foram registrados no ano passado, segundo o delegado, 17 assassinatos e um latrocínio, que é o roubo seguido de morte. Heli destacou que todos os homicídios e o latrocínio registrados em 2013 foram esclarecidos pela polícia.

Heli Andrade também falou sobre outras questões relacionadas à segurança pública de Araxá e da sua recente exoneração do cargo de delegado regional. Para ele, a exoneração foi uma “facada nas costas”. O delegado garantiu que não pediu para ser exonerado.

Confira tudo no programa Sem Censura com o delegado Heli Andrade.

Notícias relacionadas