Super banner
Super banner
Super banner
Super banner
Super banner

Agentes políticos estaduais e regionais debatem projetos para o turismo

Agentes políticos estaduais e regionais debatem projetos para o turismo

Mesa diretora dos trabalhos e participantes - Foto: Divulgação/PMA

Da Redação – A 2ª reunião itinerante do Conselho Estadual de Turismo foi promovida no início desta semana no Parque Náutico de Jaguara, em Sacramento. O encontro debateu questões relacionadas ao turismo regional e os preparativos para a Copa 2014. O evento contou com agentes políticos do governo de Minas, da Assembleia Legislativa e da região do Triângulo Mineiro e Alto Paranaíba.

De acordo com o secretário de Estado de Turismo, Agostinho Patrus Filho, os investimentos no setor estão crescentes. Ele disse que em 2012 serão aplicados cerca de R$ 93,5 milhões, e até a Copa a expectativa de investimento é de mais de R$ 250 milhões.

Na oportunidade, Agostinho apresentou projetos estratégicos da Setur, entre eles, a estruturação dos atrativos e destinos, o projeto Minas Criativa, a reestruturação da Rota das Grutas de Lund, a reforma do Expominas e a realização de festivais de dança, música e teatro.

Outra proposta mencionada pelo secretário é o projeto Turismo Integrado, elaborado a partir de uma pesquisa realizada em parceria com a Fundação Getúlio Vargas, através do estudo de competitividade turística de Minas Gerais, na qual foram detectados quatro pontos que precisam ser melhorados no turismo mineiro: a sinalização turística, a revitalização dos espaços públicos, a qualificação da mão de obra e a infraestrutura de rodoviárias. Segundo ele, a implantação do projeto acontecerá em breve.

Deputado Tenente Lúcio, Wesley De Santi (prefeito de Sacramento), Agostinho Patrus Filho, Alda Sandra e Ivan Barbosa - Foto: Divulgação/PMA

O diretor do Parque Náutico de Jaguara, Ivan Sebastião Barbosa Afonso, aproveitou o momento para fomentar a apresentação de um projeto criado para explorar a região de uma forma comercialmente mais atrativa, trabalhando os quatro elementos da natureza: água, ar, terra e fogo. Segundo ele, é necessário um novo olhar para o interior do Estado.

“Precisamos repensar o turismo mineiro. Temos inúmeros atrativos, entre eles, a pesca esportiva e as atividades com lagos, mas, precisamos de apoio para explorá-los de forma com que consigamos atrair turistas para a nossa região”.

A secretária municipal de Desenvolvimento Econômico, Turismo e Parcerias de Araxá, Alda Sandra Barbosa Marques, falou sobre o trabalho que está sendo realizado em Araxá para fomentar o turismo. Ela reforçou a importância de aproveitar o momento da Copa para divulgar os destinos mineiros que têm potenciais, porém, ainda, são pouco conhecidos.

“Precisamos direcionar nossas ações visando o aproveitamento da divulgação que a Copa oferecerá. Teremos turistas e jornalistas falando de nosso estado, de nossas cidades e esta é uma forma de Minas ganhar destaque internacional.”

A superintendente de Políticas do Turismo do Conselho Estadual de Turismo, Jussara Rocha, falou sobre o papel do Conselho Estadual de Turismo e reforçou a importância dos municípios das reuniões itinerantes. “Este é um momento em que o Conselho levanta as necessidades de cada região e desta forma, pode reivindicar ações junto aos deputados e lideranças. A proposta é buscar informações e tentar solucionar os problemas que o turismo está enfrentando, um momento bastante oportuno e produtivo.”

Com Ascom

Notícias relacionadas