Super banner
Super banner

Câmara promove segunda edição do Diploma de Mérito Legislativo

Câmara promove segunda edição do Diploma de Mérito Legislativo

Miguel, Ayres, Cidinha, Agnelo, Avenor, Eduardo, Cássio, Agno, Marlene, prefeito Jeová e Kiu - Foto: Jorge Mourão

Da Redação/Jorge Mourão – A Câmara Municipal de Araxá promoveu a segunda edição da entrega do Diploma de Mérito Legislativo ‘Mariano Joaquim de Ávila’, na tarde desta terça-feira (30), no plenário da Casa da Cidadania. O diploma leva o nome do primeiro presidente do Legislativo da cidade e homenageia ex-vereadores que são indicados pelos parlamentares da atual legislatura, e eles revivem a atividade parlamentar através da reunião solene com a apresentação de requerimentos e projetos de lei na tribuna da Casa.

Na ocasião, Mesa Diretora foi composta pelos ex-vereadores José Esteves Pires Júnior (Kiu), que presidiu a sessão solene, Miguel Corrêa Resende (vice-presidente), Marlene Borges Pereira (secretária) e pelo prefeito Jeová Moreira da Costa.

O plenário foi composto pelos ex-vereadores Agno Rosa de Castro, Agnelo Borges Guimarães, Ayres Dumont de Paiva Borges, Avenor Montandon, Cidinha Rios, Cássio Simões de Assunção e Eduardo de Ávila.

O atual presidente da Casa, Roberto do Sindicato (PP), idealizador da homenagem, destaca que o mérito é uma oportunidade de homenagear os ex-vereadores que deram a sua contribuição para a comunidade de Araxá em tempos passados.

“Realmente eu fiquei muito feliz com as presenças desses ex-vereadores. É o reconhecimento da Casa ao trabalho que fizeram, deram a sua contribuição para a comunidade de Araxá, fizeram um trabalho contínuo e com responsabilidade, e a Câmara fica feliz em prestar esta homenagem”, diz.

“Eu sempre falo que eles fizeram um grande trabalho e sempre esperamos continuar esse trabalho. É um aprendizado que temos, foi uma época diferente, mas eles estão acompanhando a realidade da cidade, deixaram a função de vereador, mas continuam na militância política, tanto que apresentaram requerimentos, cada um dando a sua contribuição para a cidade de Araxá”, ressalta Roberto.

O prefeito Jeová destaca que todos os ex-vereadores homenageados deram a sua contribuição para o desenvolvimento e progresso da cidade. “Se hoje temos orgulho de morarmos em Araxá é por causa do trabalho desses cidadãos que colocaram seus nomes para serem apreciados e eleitos pela comunidade. Com certeza todos contribuíram junto com o Executivo na construção desta cidade maravilhosa em que vivemos. Temos a obrigação e o dever de dar continuidade a esse trabalho, com muito amor e com muito desprendimento.”

Relembrando o passado

Eduardo de Ávila exerceu a vereança de 1983 a 1988. Para ele, o mérito foi uma emoção de reviver aquela importante época de redemocratização do Brasil.

“Foi um momento muito rico na política mineira e nacional, quando ainda era o regime militar e partimos para a redemocratização do país. Tivemos aqui vários comícios das (eleições) Diretas, e eu fui um dos articuladores na época, foi um momento mágico na minha vida em poder ter vivido tudo isso de uma forma muito intensa na Câmara de Araxá”, destaca.

Kiu foi vereador por três mandatos, de 1983 a 1996, e na sessão solene teve a honra voltar à cadeira de presidente. “O nosso atual presidente Roberto está de parabéns por esta iniciativa, pois é uma maneira de valorizar aquelas pessoas que deram a sua contribuição para os projetos de Araxá. Tivemos três mandatos, fomos presidente, tivemos a oportunidade de ajudar muitas pessoas, de apresentar muitos projetos em prol da comunidade, mas o tempo passa. Hoje é uma turma nova, vai revigorando, outras caras novas escolhidas pelo povo de maneira sublime e soberana, e nós temos que entender que o tempo em que estivemos aqui foi muito bom, tivemos muitos companheiros, muitos estão lá em cima”, afirma.

“Não me arrependo de nada do que fiz como vereador, pelo contrário, me orgulho de tudo que fiz para a comunidade de Araxá, e hoje sou cooperador dos atuais vereadores em dar conselhos, o que vale é a cidade de Araxá. Presidi esta homenagem com muita tranquilidade, afinal de contas o tempo passa, mas a ginga, a maneira de conduzir, não muda”, conclui Kiu.

Notícias relacionadas