Super banner
Super banner
Super banner

CIT massacra Tiradentes e segue invicto no Amadorão

Saulo Aguiar

Mostrando um bom futebol e não encontrando dificuldades na partida, o CIT venceu a equipe do Tiradentes por de 7 a 0, na manhã deste domingo (8), no campo da AC Fértil, bairro Dona Beja. A partida válida pela 6º rodada manteve o time do CIT na 2º posição com dois pontos a menos que o líder Dínamo e empurrou o Tiradentes para as últimas colocações.

Números

A tônica do jogo representou bem os números das duas equipes no campeonato. O CIT tem o melhor ataque da competição, com 21 gols, e o Tiradentes a defesa mais vazada até o momento, com 24 gols sofridos.

1º Tempo

Logo no primeiro minuto do jogo, o atacante Gordinho, na frente do gol, bateu mal na bola e facilitou a defesa do goleiro Fabiano, desperdiçando a primeira boa oportunidade do CIT.

1 a 0: Aos nove minutos, Cristian recebeu um belo lançamento do meio-campista Alan e precisou de duas oportunidades para abrir o placar.

Só aos 20 minutos que o Tiradentes teve a primeira e única oportunidade durante todo o primeiro tempo. Rodrigo recebeu a bola pela direita e bateu cruzado para uma boa defesa do goleiro Fabinho.

Sempre no ataque e com várias chances, o CIT perdeu a oportunidade mais clara de ampliar o placar, aos 33 minutos. Bruno puxou o contra-ataque lançado Alan, a defesa do Tiradentes parou pedindo impedimento. No cruzamento Gordinho por pouco não alcançou a bola para ampliar o placar.

2 a 0: Aos 43 minutos, sai o segundo gol do CIT. Gordinho recebeu a bola pela esquerda, invadiu a área, pedalou pra cima do zagueiro e bateu cruzado vencendo Fabiano.

2º Tempo

Cinco gols e várias chances perdidas pelo CIT. Já o Tiradentes teve suas melhores oportunidades de diminuir o placar em cobranças de escanteio, logo aos nove minutos, mas sem levar grande perigo para o goleiro Fabinho.

3 a 0: A entrada de Leandro Perez e Paulo Henrique deu melhor movimentação ao ataque do CIT. Aos 18 minutos, Leandro fez boa jogada pelo meio, lançou Paulo Henrique que, em posição legal, deslocou o goleiro Fabiano ampliando o placar.

4 a 0: Com o Tiradentes totalmente dominado e sem reação, o CIT foi aumentando a vantagem. Aos 35 minutos, Gordinho avançou pela direita, driblou o zagueiro e foi derrubado na área. O árbitro Vicente dos Reis assinalou corretamente o pênalti. Gordinho não desperdiçou e bateu forte no ângulo, sem chances para Fabiano.

5 a 0: Em jogada bem trabalhada pelo ataque do CIT, Paulo Henrique cruzou rasteiro e Leandro só teve o trabalho de desviar, fazendo o quarto gol aos 40 minutos.

6 a 0: Aos 42, Leandro recebeu pelo meio, driblou o marcador e lançou em profundidade para Paulo Henrique. Em posição legal, fez o gol com um toque sutil na bola, tirando o goleiro Fabiano do lance.

7 a 0: O último gol do jogo saiu dos pés de Gordinho. Aos 44 minutos, o artilheiro recebeu um bom passe e, livre na área, driblou Fabiano e colocou números finais na partida.

CIT: Fabinho, Wilson (Wellington), Carlão, Anselmo (Eder Luciano), (Kellvy); Adriano (Paulo Henrique), Bruno (Ronis), Alan, Cláudio (Leandro Perez); Cristian e Gordinho.
Treinador: Isdeni Adriano

Tiradentes: Fabiano, Sinomar, Periquito, Léo (Paulo Henrique), Allison (Giovani); Gentil (Hugo), Wilker, Dioni, Maestro (Vander); Rodrigo (Pitbull) e Michael.
Treinador: Edílson

Árbitro: Vicente dos Reis Silva

Assistentes: Cláudio Cavicchiolli e Priscila Juliana da Silva

Cartões Amarelos: Anselmo, Carlão, Bruno, Leandro Perez e Paulo Henrique (CIT); Sinomar, Paulo Henrique e Hugo (Tiradentes).
 
Gols: Gordinho (3), Paulo Henrique (2), Cristian e Leandro.

Destaque: Alguns dirigentes e jogadores da equipe do Tiradentes reclamaram de forma acintosa do árbitro Vicente dos Reis e da assistente Priscila Juliana. O trio fez, de um modo geral, uma boa arbitragem e não comprometeu os lances decisivos.

Notícias relacionadas