Com projeto aprovado, Prefeitura de Araxá vai iniciar investimento de R$ 5 milhões para implantação da UTI Neonatal

Com projeto aprovado, Prefeitura de Araxá vai iniciar investimento de R$ 5 milhões para implantação da UTI Neonatal

A Prefeitura de Araxá vai iniciar o processo de implantação da UTI Neonatal e Pediátrica. A Câmara Municipal aprovou, nesta terça-feira (15), o projeto de lei que permite o Município a firmar convênio no valor de R$ 5 milhões com a Santa Casa de Misericórdia de Araxá para implantação da Unidade de Terapia Intensiva (UTI) Neonatal e Pediátrica. O projeto é uma antiga reivindicação da população araxaense.

Os recursos públicos foram conquistados por meio de parceria com o Governo Federal e o Governo de Minas Gerais firmada pela Administração Municipal em 2021. Ao todo foram captados para viabilizar o início do funcionamento da UTI Neonatal e Pediátrica, R$ 2,5 milhões de emenda do presidente do Senado, Rodrigo Pacheco; R$ 1 milhão de emenda do deputado estadual Bosco e mais R$ 1,5 milhão do Governo de Minas Gerais, este ainda não foi depositado na conta do Município, mas, segundo o prefeito Robson Magela, será adiantado pela Gestão Municipal.

“A implantação da UTI Neonatal e Pediátrica em Araxá é uma reivindicação antiga e de extrema importância para o desenvolvimento da cidade e região. Hoje é um dia que ficará marcado de forma positiva, pois é um dos principais projetos da nossa Administração que logo mais vai estar concretizado”, destaca o prefeito.

Equipamentos parados há quase 7 anos

Os equipamentos para implantação da UTI Neonatal e Pediátrica estão parados há quase 7 anos e alguns deles só foram utilizados no último ano para ampliação do número de leitos contra a Covid-19. A Santa Casa conseguiu a verba para comprar os equipamentos em 2011. Em 2013, os recursos foram repassados pelo Governo do Estado e em 2015 foi realizada a aquisição dos equipamentos. Mas, todos os equipamentos ficaram guardados em caixas no depósito da instituição à espera de convênios com o Poder Público para funcionamento da Unidade.

Notícias relacionadas

Inscreva-se
Me avise:
guest
0 Comentários
Comentários em linha
Mostrar todos os comentários
0
Deixe seu comentário para essa notícia!x