Super banner
Super banner

Doação de área anexa ao aeroporto de Araxá é aprovada para atender setor de desenvolvimento econômico

Doação de área anexa ao aeroporto de Araxá é aprovada para atender setor de desenvolvimento econômico

A Prefeitura de Araxá está autorizada a receber uma área de 277.800 m² da Companhia de Desenvolvimento de Minas Gerais (Codemge), denominada avenida José Passos de Oliveira. O projeto de lei que autoriza a doação da área foi aprovado pela Câmara Municipal na terça-feira (1º) e sancionado pelo prefeito Robson Magela.

A área doada será destinada exclusivamente para iniciativa de desenvolvimento econômico por meio de chamamento público. Há interesse da empresa Desaer Desenvolvimento Aeronáutico em instalar uma fábrica de aviões no local, que fica anexo ao Aeroporto Municipal.

De acordo com a Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico, Inovação e Turismo, a construção do empreendimento prevê investimento de US$ 100 milhões, com geração de 1.000 empregos diretos e indiretos e capacidade inicial de fabricar quatro aeronaves por mês, atendendo os mercados comercial, cargueiro e de defesa, além de ensaios de voos.

De acordo com o diretor-presidente da Desaer, Evandro Fileno, um dos conceitos que serviram de base para a criação da unidade de Araxá foi o de atrair parceiros para o Brasil, contribuindo para a geração de novos empregos no país e na região.

O secretário municipal de Desenvolvimento Econômico, Inovação e Turismo, Juliano Cesar da Silva, destaca que viabilizar uma possível vinda da Desaer em Araxá favorece não apenas a economia local, como também o desenvolvimento tecnológico.

“Seria um marco para o município ter um grande investidor, sobretudo, na área de inovação, que é uma das apostas da atual administração como forma de atrair novas empresas e estimular a qualificação da mão de obra local”, destaca o secretário.

O prefeito Robson Magela reitera a participação efetiva da Administração Municipal para a possível instalação da fábrica da Desaer. “Desde que assumimos a gestão, o secretário Juliano tem feito contatos assertivos, como, por exemplo, a fábrica de aviões da Desaer, que está sendo viabilizada também graças ao apoio do Governo de Minas Gerais através da Codemge. Com previsão de 1.000 empregos gerados, com certeza seria um grande fomento para a nossa economia”, destaca o prefeito.

Notícias relacionadas

Inscreva-se
Me avise:
guest
0 Comentários
Comentários em linha
Mostrar todos os comentários
0
Deixe seu comentário para essa notícia!x