Super banner
Super banner

Inscrições abertas para os cursos de graduação a distância da UAB em Araxá

Inscrições abertas para os cursos de graduação a distância da UAB em Araxá

A Universidade Federal de Juiz de Fora (UFJF) está com inscrições abertas até o dia 3 de fevereiro para o vestibular 2009, na modalidade de educação a distância. As 931 vagas estão distribuídas entre as licenciaturas de Enfermagem, Física, Matemática e Pedagogia. O vestibular será realizado pela UFJF em 15 cidades/pólos de Minas Gerais: Araxá, Bicas, Boa Esperança, Buritis, Coromandel, Durandé, Ilicínea, Ipanema, Lavras, Ouro Preto, Salinas, Santa Rita de Caldas, São João da Ponte, Sete lagoas e Tiradentes.  Em Araxá há 47 vagas para Enfermagem e 11 para Matemática.

As inscrições devem ser realizadas pelo site da UFJF e o pagamento do boleto bancário, no valor de R$ 50, deve ser providenciado até data de encerramento.  O candidato deverá optar por um dos cursos oferecidos e seu respectivo pólo.

As provas serão realizadas, em duas etapas, no dia 15 de fevereiro, na cidade onde o candidato fizer sua inscrição.  A primeira etapa vai ocorrer das 9h às 12h, com questões objetivas de Biologia, Física, Geografia, História, Matemática e Química e a segunda prova vai ser aplicada das 14h às 17h com os conteúdos de Língua Portuguesa e Literaturas e uma redação. Além das provas presenciais, também fará parte do vestibular uma Avaliação Acadêmica e Profissional, segundo critérios estabelecidos no edital. O candidato deverá entregar os documentos comprobatórios para esta Avaliação até o dia 3 fevereiro, na secretaria do pólo para onde se inscreveu.

O resultado final será divulgado no dia 26 de fevereiro, a partir das 11h, no endereço. A matrícula dos candidatos aprovados e classificados será realizada no pólo de Apoio Presencial onde foi realizada a inscrição, no dia 27 de fevereiro. As aulas em regime semipresencial terão início no 1° período letivo de 2009.

A seleção faz parte do Programa Universidade Aberta do Brasil (UAB), em parceria com o Ministério da Educação. O programa mantém um sistema integrado de instituições públicas de ensino para levar educação superior a municípios com oferta insuficiente de cursos de Licenciatura, além de atender a população excluída, por qualquer motivo, do processo educacional.

Notícias relacionadas