Jogos Estudantis movimentam escolas de Araxá

Jogos Estudantis movimentam escolas de Araxá

Os Jogos Estudantis 2018 estão previstos para começar no dia 31 de agosto. A competição organizada pela Secretaria Municipal de Esportes envolve mais de 1,5 mil alunos de 29 escolas públicas e particulares de Araxá. A primeira reunião sobre o evento já foi realizada, com representantes das instituições de ensino participantes.

O assessor de Esportes Especializados, Márcio Contato, informa que algumas mudanças estão sendo avaliadas em relção a edições anteriores e a secretaria promove reuniões para repassar informações sobre o que são os jogos, porque eles acontecem e a importância da presença da direção escolar no evento. “Tivemos edições onde a diretora não estava sabendo que a escola estava envolvida nos jogos, ficou sabendo no dia da premiação, uma falta de comunicação dentro da instituição de ensino. Com esse encontro queremos evitar esse tipo problema”, afirma.

Márcio destaca que não é só fazer a inscrição da escola e contar com a participação de alunos, pais e professores. A direção precisa se envolver, ela também é responsável pela formação intelectual, por tudo relacionado ao aluno.

O próximo passo é se reunir com os professores de Educação Física para apresentar o regulamento, a dinâmica dos jogos, o que cada instituição vai fazer, quais as modalidades, categorias, como será a premiação. “Começamos em 2015 com 16 escolas, a participação foi aumentando e hoje são 29 escolas”, comenta.

A previsão é promover os Jogos Estudantis de agosto a dezembro. As disputas serão às sextas, sábados e domingos, nos ginásios dos bairros São Pedro, Santo Antônio, Santa Luzia e Jardim Natália.

As modalidades são futsal, handebol, vôlei, basquete, atletismo e xadrez, nas categorias feminino e masculino, de 8 a 16 anos. “Os alunos gostam de participar de competições. Os jogos representam uma oportunidade de descobrir novos talentos e as equipes campeãs também representam Araxá nos Jogos Escolares de Minas Gerais (Jemg)”, acrescenta.

Para os representantes das escolas a reunião foi muito importante para dar sugestões, trocar experiências, ajudar no planejamento da competição. A professora de Educação Física da Escola Estadual Pio XII, Vivian Patrícia de Melo Silva, conta que os jogos motivam as crianças, promovem  socialização e interação. “Mexe com a escola inteira, a gente acaba encontrando outros profissionais da mesma área, trocando experiências e os alunos ficam empolgados. Muitos não têm onde jogar ou participar de alguma competição.”

Discutir os assuntos, trocar opiniões, propor ajustes no regulamento, evita problemas durante a competição. O professor de Educação Física, Ulisses Ferreira, representou o Colégio Dom Bosco e a Escola Estadual Padre João Botelho. “Participar da organização e planejamento dos jogos é importante, para termos uma competição bastante organizada. E para os alunos é muito válido, é assim que a gente constrói o cidadão do futuro”.

O secretário de Esportes, Adolfo Maurício da Silva, revela que o jogos são uma satisfação e uma responsabilidade muito grande porque envolvem muitas escolas e milhares de alunos. Também traz oportunidade para as crianças que sonham em participar de uma competição na cidade e representar Araxá nos Jemg.

“A gente fica feliz, satisfeito porque é um trabalho difícil, tem que planejar e organizar tudo,  exige muita responsabilidade.  Trazer a participação das escolas para acompanhar os alunos nesse aprendizado e isso é muito importante”, finaliza.02

Notícias relacionadas

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *