Super banner
Super banner

Mutirão da carteira de identidade é realizado em Araxá

Mutirão da carteira de identidade é realizado em Araxá

Fotos: Assessoria / Secretaria de Segurança Pública

A cidade de Araxá foi contemplada pela primeira vez com mutirão de emissão de carteiras de identidade (RG) neste sábado (20) na Escola Estadual Maria de Magalhães. Os trabalhos foram iniciados pela equipe da Polícia Civil de Belo Horizonte às 8h. Trezentas carteiras de identidade foram emitidas a custo zero para a comunidade.

O mutirão foi viabilizado em parceria da Secretaria Municipal de Segurança Pública, por meio da Prefeitura Municipal de Araxá com a Polícia Civil para trazer uma equipe da PC de Belo Horizonte composta por dez pessoas coordenada pelo inspetor Djalma Ribeiro Barbosa.

A carteira de identidade, conhecida como Registro Geral (RG), é o principal documento do cidadão brasileiro. Ele contém informações sobre nome, data de nascimento, filiação, naturalidade e impressão digital. Sua emissão é de responsabilidade dos governos estaduais (em geral, pelos órgãos de segurança pública), e tem validade em todo o território nacional.

De acordo com secretário municipal de Segurança Pública, Mauro da Silveira Chaves, o expediente, antes previsto para ser encerrado às 16h, foi finalizado uma hora depois, devido a grande quantidade de pessoas presentes na sede da escola. “Ampliamos alguns atendimentos para o decorrer desta semana no posto de identificação (localizado na sede da Polícia Civil), visto que cerca de trinta cidadãos não apresentaram documentação completa ou não preenchiam os requisitos exigidos”, diz o secretário.

O mutirão atendeu grande anseio da comunidade, já que desafogou a demanda que a Polícia Civil de Araxá tinha para obtenção do documento. As pessoas tiraram a primeira ou segunda via da carteira de identidade, dentre outros serviços sem nenhum custo.

Uma longa fila se formou em frente a escola para emitir este importante documento. “Nesse mutirão, deu se um fato curioso na expedição de uma carteira de identidade para uma senhora de 50 anos de idade que nunca havia adquirido o documento, ressaltando que é importante solicitar o serviço nos primeiros anos de vida visando gozar de todos os direitos civis e trazer facilidade na identificação da pessoa”, comenta Mauro.

A Polícia Civil de Belo Horizonte ficou satisfeita com a realização do mutirão aqui em Araxá. Mauro afirmou que mais eventos desta natureza ainda serão realizados em sua gestão como secretário de Segurança Pública. 

Notícias relacionadas