Aécio Neves debate expansão da CBMM com a direção do Grupo Itaú/Unibanco

Aécio Neves debate expansão da CBMM com a direção do Grupo Itaú/Unibanco

O governador Aécio Neves se reuniu, nesta sexta-feira (13), na sede do Itaú/Unibanco, em São Paulo, com Pedro Moreira Salles e Roberto Setúbal, dirigentes do grupo. Durante o encontro, eles discutiram a situação econômica do Brasil frente à crise mundial e a posição da Companhia Brasileira de Metalurgia e Mineração (CBMM), controlada pela família Moreira Salles, que tem sua planta de produção em Araxá. A CBMM é a maior produtora de nióbio do país e vem enfrentando queda de produção nos últimos meses.

Ao final do encontro, o governador saiu satisfeito com as alternativas apresentadas pelo grupo para a retomada do plano de expansão de produção da planta de Araxá. A CBMM extrai, processa, fabrica e comercializa produtos à base de nióbio.

Uma Conta de Participação nos Lucros entre a estatal Companhia de Desenvolvimento Econômico de Minas Gerais (Codemig) e a CBMM garante a exploração racional do depósito de nióbio localizado próximo a Araxá. O contrato concede 25% de participação nos lucros operacionais da CBMM ao governo do Estado.

A CBMM é a única produtora de nióbio com presença em todos os segmentos de mercado. Com subsidiárias na Europa (Holanda), Ásia (Cingapura) e na América do Norte (EUA). A empresa vende seus produtos em mais de 50 países, além de suprir totalmente o mercado brasileiro de nióbio.

A empresa fechou 2008 com a produção de 80 mil toneladas de nióbio. Ela exporta 93% de sua produção à Europa (35%), China (20%), EUA (20%) e Ásia exceto China (18%). A CBMM é responsável por 80% da produção no mundo.

Notícias relacionadas