Fárley comenta respostas de questionamentos feitos à Copasa

Fárley comenta respostas de questionamentos feitos à Copasa

Vereador Fárley - Araxá

Terceiro orador da tarde de ontem, o vereador Fárley Cabeleireiro (PT) abriu seu pronunciamento apresentando um relatório de respostas da Companhia de Saneamento de Minas Gerais (Copasa) sobre questionamentos feitos por ele após Fórum Comunitário realizado no dia 8 de abril passado com a empresa, e só agora foram respondidos, quanto à cobrança da taxa de esgoto e serviços operacionais.

Fez também menção à resposta de um requerimento de sua autoria (156/2013) indagando sobre quando a empresa efetivou ou concluiu o tratamento de todo o esgoto coletado, o que passou a ocorrer no dia 8 de dezembro de 2011, quando foi anunciado a operação da Estação de Tratamento de Esgoto (ETE) Central, mas o contrato assinado com o Município previa a conclusão desta obra em 2008, ou seja anos antes.

Para Fárley, isso deixou claro que a Copasa poderia ter concluído a ETE Central antes e não conseguiu, mas já cobrou ilegalmente a taxa, podendo ter ocorrido quebra de contrato pelo não cumprimento previsto da obra. Ele relatou que as respostas recebidas serão juntadas à documentação sobre a questão da Copasa que está sendo apurada pelo Ministério Público. Defendeu ainda que a taxa cobrada é abusiva, pois nem toda a água utilizada pela população é devolvida ao esgoto, relatando que a empresa ainda declarou que é possível medir o volume de esgoto e que esse medidor deveria ser instalado nas residências para que haja a cobrança devida.

Em outro assunto abordado, Fárley também lembrou de indagações encaminhadas à empresa Vera Cruz quanto à tarifa do transporte público urbano coletivo, lembrando de recentes manifestações que vem ocorrendo em várias capitais do país vistas na televisão para que preço justo seja cobrado. Lembrou ainda que diversos pontos de ônibus não têm cobertura para o usuário e o prazo final para a resposta dos questionamentos feitos via requerimentos termina nesta quarta-feira, dia 19 de junho.

Requerimentos apresentados pelo vereador

­– Requerimento 598/2013 – Prefeitura Municipal de Araxá – Após confirmação de doação do imóvel do CSU (Centro Social Urbano) do Estado de Minas Gerais para a Prefeitura Municipal de Araxá, que seja implantando um Ponto de Apoio Policial no mesmo.

– Requerimento 599/2013 – Prefeitura Municipal de Araxá – Reconstrução e adequação do campo de futebol e quadra no CSU (Centro Social Urbano), incluindo tela de proteção acima dos muros, quatro duchas para higiene dos usuários, material esportivo e iluminação.

Notícias relacionadas