Programa Ensino Responsável realiza mais de mil atendimentos no Uniaraxá

Programa Ensino Responsável realiza mais de mil atendimentos no Uniaraxá

Além da expectativa. Assim foi definido o saldo das ações realizadas pelo Centro Universitário do Planalto de Araxá (Uniaraxá) por ocasião do Dia Nacional da Responsabilidade Social do Ensino Superior Particular – Ensino Responsável 2010, organizado pela Associação Brasileira de Mantenedoras de Ensino Superior (ABMES). Foram feitos mais de mil atendimentos à comunidade na manhã do último sábado (25).

O Uniaraxá abraçou o evento desde a sua criação, há cinco anos, pois já faz parte da sua missão a participação dos universitários, professores e corpo administrativo na luta contra a exclusão social, através da promoção de atividades voltadas ao exercício da cidadania, desenvolvendo sistematicamente atividades articuladas de ensino, pesquisa e extensão voltadas à comunidade.

As atividades foram realizadas no campus do Uniaraxá, das 8h às 12h, com a participação dos cursos da instituição e parcerias com a Prefeitura de Araxá, Sesc, Senac, Polícia Civil, Corpo e Bombeiros e Polícia Militar. Os seguintes serviços foram oferecidos nos estandes montados no Centro de Convivência Dr. Christiano Barsante Santos: controle de pressão arterial e glicemia, ginástica laboral e orientações posturais, cortes de cabelo, assessoria ao orçamento doméstico, atendimento jurídico, emissão de documento de identidade, orientação sobre dengue e animais peçonhentos.

Na área externa foram desenvolvidas atividades culturais, esportivas e Rua do Lazer. A comunidade assistiu a apresentações de dança, capoeira, defesa pessoal e coreografias. A Biblioteca Móvel esteve presente no campus, disponibilizando o seu acervo variado aos presentes. Houve também farta distribuição de pipoca e algodão doce.

O Dia Nacional da Responsabilidade Social, além de propiciar à população em situação de vulnerabilidade social o acesso ao lazer, à cultura e ao esporte recreativo, visa a conscientizar a comunidade sobre as ações implementadas pela instituição e possibilita o envolvimento dos acadêmicos dos cursos de graduação, estimulando a sua participação na luta contra a exclusão social e contribuindo para a formação de profissionais competentes, tanto em termos de conhecimentos quanto de valores humanos.

Um dia dedicado à saúde, à cultura e ao entretenimento.

Para a coordenadora do Programa Uniaraxá – Ensino Responsável, professora e mestre Ivana Lodi Guimarães, o dia foi muito especial por mobilizar toda a instituição em prol da comunidade carente.

“Além disso, o evento foi mais uma forma de mostrar aos araxaenses o que o programa pode fazer por eles e pelo município. O Dia da Responsabilidade Social é um evento muito gratificante, uma oportunidade de vivermos na prática o verdadeiro objetivo do ensino superior – formar para melhorar a vida dos outros e a nossa também. Para mim é muito importante participar e poder me sentir útil.”

“Acho muito importante levar o conhecimento para a sociedade, para que a população possa se informar melhor do que está sendo trabalhado dentro do Uniaraxá. Temos uma horta no campus onde são cultivadas várias plantas medicinais que foram apresentadas aos visitantes, através de chás para degustação, com explicações sobre a sua utilidade. Tivemos também a oportunidade de divulgar os cuidados que devemos ter com serpentes e animais peçonhentos”, afirmou o professor e doutor Carlos Henrique de Freitas, coordenador do curso de Ciências Biológicas.

Várias pessoas aproveitaram o evento para esclarecer suas demandas no estande da Assistência Judiciária e foram atendidos por acadêmicos e professores do curso de Direito.

“Este serviço está disponível no Uniaraxá diariamente e é oferecido às pessoas de baixa renda, para que tenham a oportunidade de acesso à orientação jurídica gratuita. Esta atividade não é só um atendimento à comunidade, mas também uma prática vivenciada pelo aluno”, destacou o assessor jurídico da Fundação Cultural de Araxá (FCA), Marcelo Henrique de Melo.

A telefonista Márcia Cristina Gabriel Martins ficou impressionada com a facilidade em obter a sua Carteira de Identidade: “Foi ótimo o atendimento, rápido e prático. Em dez dias o meu documento já estará pronto.”

A estudante Dayane Jéssica da Silva, de 15 anos, aproveitou para ler um bom livro na Biblioteca Móvel, enquanto aguardava a amiga que participava das atividades recreativas.

Bruno dos Santos, de 11 anos, aluno da Escola Municipal de Aplicação Lélia Guimarães, não perdeu tempo. Além de se divertir a valer na Rua do Lazer, deu uma repaginada no visual, utilizando o serviço de corte de cabelo oferecido pelo Senac.

A aposentada Eva Borges também não deixou por menos. Assim que ficou sabendo do evento através dos jornais, foi ao Uniaraxá para aferir a pressão arterial e também preencheu um questionário. “Através das respostas pude receber um atendimento com orientações mais detalhadas. Fiquei muito satisfeita.”

Notícias relacionadas