Super banner
Super banner

Advogado vai denunciar concurso da Câmara de Araxá ao Ministério Público

Advogado vai denunciar concurso da Câmara de Araxá ao Ministério Público

Um advogado que se inscreveu para o concurso público da Câmara Municipal de Araxá, mas desistiu de fazer a prova, teve uma surpresa ao conferir o resultado divulgado pela Seap Consultoria e Concursos Públicos. Ele verificou que o seu nome consta na classificação como reprovado, pois teria feito apenas 18 pontos em 100 pontos possíveis.

Como nem passou perto do local da realização das provas no último dia 12 de outubro, o advogado R.B.A.L., 34 anos, vai fazer uma denúncia ao Ministério Público para que o concurso público do Legislativo de Araxá seja investigado.

Em relato ao Blog do Germano Afonso, o advogado explicou que há três anos presta concursos públicos e por isto se inscreveu para o concurso da Câmara Municipal, porém, ele chegou à conclusão de que não conseguiria conciliar o serviço público com o seu escritório de advocacia e decidiu desistir.

Ele disse que levou um susto ao ver que foi o último colocado entre os que fizeram as provas, quando na verdade deveria constar como ausente. Para piorar, além da lista de classificação informar que ele só fez apenas 18 pontos, consta ainda que a sua nota na prova de português foi zero.

O advogado enviou e-mail para a Seap pedindo a cópia do seu gabarito para verificar quem o assinou e fez as provas no lugar dele. O seu pedido ainda não foi atendido. Ele pretende processar a empresa que realizou o concurso público por danos morais, afinal não pega nada bem para a reputação de um advogado se sair tão mal nas provas e ainda tirar zero em português.

A denúncia para o Ministério Público já está sendo providenciada pelo advogado, que reuniu provas dos fatos. Ele quer que o seu caso seja devidamente apurado, pois coloca em dúvida a credibilidade do concurso público da Câmara Municipal.

Com Blog do Germano Afonso

Notícias relacionadas