Super banner
Super banner

Araxá Vijazz & Blues Festival surpreende público araxaense

Araxá Vijazz & Blues Festival - Foto: Divulgação

A primeira edição do Araxá Vijazz & Blues Festival foi um grande sucesso e surpreendeu o público araxaense pela qualidade das apresentações realizadas no Cine Teatro Tauá de 6 a 8 deste mês. O evento promovido pela Fundação Cultural ACIA reuniu cerca de 900 pessoas e será reeditado em 2014.

Araxá assistiu a grandes músicos nacionais e internacionais que trouxeram à “Terra de Beja” o melhor da arte e da cultura do Blues e do Jazz. O Vijazz & Blues Festival teve a participação de grupos araxaenses como o Bêjazz e a Big Band Blues, atrações internacionais como Peter Madcat Ruth e Johnny Sansone que vieram dos EUA, além dos mineiros Juarez Moreira e Vagner Faria.

O grande destaque do Araxá Vijazz & Blues Festival foi o World Percussion Ensemble (WPE). O grupo reúne músicos internacionais, sendo formado pelo japonês Takuya Taniguchi considerado o mestre do Taiko; Marco Lobo o mago brasileiro da percussão; o cantor e percussionista Njamy Sitson de Camarões e os alemães Walter Lang pianista e Sven Faller baixista.

O prefeito de Uberaba, Paulo Piau, veio à Araxá especialmente para prestigiar o Araxá Vijazz & Blues Festival. Ele estava acompanhado da presidente da Fundação Cultural de Uberaba, Sumayra de Oliveira Silva. “Realmente fiquei impressionado com o que assisti aqui em Araxá. Um espetáculo sensacional e que a gente não está acostumado a ver. A Fundação Cultural ACIA está de parabéns pela iniciativa de difundir a cultura na nossa região”, afirma Paulo Piau.

A presidente da Fundação Cultural ACIA, Valda Sánchez, afirma que o Araxá Vijazz & Blues foi excelente e que todos que tiveram a oportunidade de acompanhar o festival elogiaram muito a alta qualidade dos shows. “Foi muito bom e pudemos constatar isto através da sinergia entre o público e os artistas”, diz Valda.

Ela destaca também a oportunidade que o grupo de Taiko de Araxá teve de participar de um workshop com Takuya Tanigucchi que é considerado como um dos maiores mestres da carismática arte milenar japonesa. “Foi emocionante ver a alegria e a desenvoltura dos garotos de Araxá durante a oficina de Taiko com o Takuya. Ele foi muito atencioso e demonstrou ser realmente um grande mestre”, afirma a presidente da Fundação Cultural ACIA.

Araxá Vijazz & Blues Festival - Foto: Divulgação

O festival teve entrada franca e a intenção da Fundação Cultural ACIA é tornar este projeto um evento fixo do calendário cultural de Araxá. “A nossa proposta é realizar o Araxá Vijazz & Blues Festival todos os anos em Araxá e assim proporcionar ao público araxaense o acesso a espetáculos de jazz e blues de alta qualidade”, conclui Vanda.

O Araxá Vijazz & Blues Festival foi uma realização da Fundação Cultural ACIA, Ministério da Cultura e Governo Federal, com o patrocínio da Lei de Incentivo à Cultura, CBMM e Shell. Apoiaram o evento a ACIA, Sindicato do Comércio de Araxá, AciaCred e Tauá Grande Hotel.

Notícias relacionadas