Super banner
Super banner

Grande Expediente 19/03/2013 – Néia, Marcílio e Mauro

Grande Expediente 19/03/2013 – Néia, Marcílio e Mauro

Vereadora Néia da Uninorte (PDT) - 19.03.13

Vereadora Néia da Uninorte (PDT)

A vereadora Néia da Uninorte iniciou seu pronunciamento lendo uma mensagem de reflexão para todos os presentes, destacou o Dia Internacional da Mulher comemorado recentemente, e apresentou dois requerimentos.

O primeiro (213/2013) solicita à Secretaria Municipal de Desenvolvimento Urbano que faça melhorias na rua Cassulina dos Anjos, conhecida como travessa Santa Cruz, no bairro Fertiza. A vereador requer limpeza  e recapeamento da via, desvio de água da chuva no final da mesma, possibilidade de construir calçada em regime de mutirão e limpeza de terrenos particulares mediante fiscalização.

“A rua está tomada de mato e sujeira, praticamente sem asfalto, inclusive encontra-se nela terrenos particulares com matagal alto e entulhos jogados. No final da rua, tem um comércio que sofre com o período das chuvas. A água desce com toda sujeira acumulada para dentro de seu estabelecimento, pois no local não tem nenhum desvio de água. É uma rua bastante movimentada, com várias residências, muitas crianças, por isso a necessidade de calçamento, dando segurança aos moradores.”

A segundo, também à Secretaria Municipal de Desenvolvimento Urbano, requer instalação de boca de lobo para coleta da água pluvial na rua José Gonçalo dos Santos, no bairro São Francisco.

“A água da chuva que desce da rua Alceu Geraldo Silva (esquina) entra nas residências da rua José Gonçalo dos Santos trazendo todo o lixo e terra acumulado, causando vários transtornos diários aos moradores.

Vereador Marcílio da Prefeitura (PT)

Vereador Marcílio da Prefeitura (PT) - 19.03.13

O vereador Marcílio da Prefeitura (PT) destacou em seu pronunciamento um requerimento (199/2013) que solicita à Prefeitura Municipal de Araxá a implantação de um Centro de Tratamento de Quimioterapia na cidade.

Em sua justificativa, Marcílio relatou que “inúmeros pacientes oncológicos (com câncer) de Araxá são obrigados a se deslocar para outros centros como Barretos (SP) e Uberaba para terem acesso ao tratamento de quimioterapia. A maioria deles é carente e não dispõe de condições de transporte próprio e usam transporte disponibilizado pelo Município ou ônibus de carreira. Tais pacientes são sujeitados a cansativas viagens, tendo que levantar de madrugada, enfrentar a viagem, fazer o tratamento e retonar a Araxá, muitas vezes enfrentando efeitos colaterais durante a viagem”.

Completou relatando que “tudo isso é muito sacrificante, para não dizer quase desumano, e se o tratamento fosse ministrado em Araxá amenizaria muito a dor, o desgaste físico e o sofrimento desses pacientes, já fragilizados físico e psicologicamente com a doença. Sabemos que existem possibilidades para a implantação do Centro de Quimioterapia em Araxá, inclusive buscando parcerias privadas, o que é perfeitamente viável”.

Demais requerimentos apresentados por Marcílio

– 200/2013 – Prefeitura Municipal de Araxá – Recapeamento da rua Rio Grande do Sul, no bairro São Geraldo.

– 201/2013 – Prefeitura Municipal de Araxá – Recapeamento da rua Pernambuco, no bairro São Geraldo.

Vereador Mauro do Detran (PDT)

Vereador Mauro do Detran (PDT) - 19.03.13

O vereador Mauro do Detran (PDT) pronunciou sobre a questão da criminalidade Araxá, em especial ao registro de homicídios, lembrando que antes da reunião ordinária ele apresentou cinco novos delegados que vão atuar em Araxá. Apesar de a atual situação ser muito contestada pela população e imprensa, o Mauro, que é inspetor da Polícia Civil, relatou que Araxá não está em estado de alerta geral e ainda pode ser considerada uma cidade tranquila em comparação com outras de mesmo porte da região.

Segundo ele, a taxa tolerável pela Organização da Nações Unidades (ONU) é de 10 homicídios por ano para cada 100 mil habitantes. “Em 2010, foram seis. Já em 2011, foram 11. Em 2012, foram 15, extrapolou um pouco, muitos casos foram isolados, mas têm que ser combatidos, mas surge essa especulação de que a cidade não é mais tranquila de se viver. Para se ter uma ideia, os acidentes de trânsito matam muito mais, foram 50 mortes registradas (em 2012)”, disse.

Mauro relatou ainda que o recente homicídio de um adolescente ocorrido no Complexo Esportivo Nadyr Barcelos, o popular Buracanã, foi esclarecido e em prevê o autor será preso. Cotado e caso assuma a futura Secretaria Municipal de Segurança Pública, o vereador relatou que um dos principais objetivos será o combate à criminalidade de forma mais rápida.

“Cada crime tem sua particularidade, grau de facilidade ou dificuldade, pedimos paciência à população, as polícias (civil e militar) são atuantes, mas o sistema é falho”, criticando de que no Brasil há mais de 10 modalidades de polícia, cada uma com banco de dados próprio. “O dia em que tivermos uma polícia única e as vaidades de lado, teremos uma polícia muito mais eficiente”, concluiu.

Mauro também apresentou projeto de lei (20/2013) de denominação de via pública – fica denominada rua Otávio Cândido da Silva, a atual rua PA 15, do loteamento Novo Pão de Açúcar III, nesta cidade.

Notícias relacionadas