Instituto de Criminalística confirma que corpos encontrados carbonizados na cidade de Passos, são de araxaenses

Instituto de Criminalística confirma que corpos encontrados carbonizados na cidade de Passos, são de araxaenses
Foto: Diário de Araxá

Os exames foram feitos no instituto de criminalista de Belo Horizonte, e o resultado saiu nesta quinta-feira, 23 de março de 2017. Os Corpos dos Araxaenses Hugo Leonardo Castro, de 33 anos e de seu primo Gabriel Felipe Silva Ferreira, de 21 anos, foram encontrados carbonizados dentro de um veículo na zona rural da cidade de Passos/MG, no dia 23 de fevereiro e devido ao estado avançado de carbonização, não foi possível naquele primeiro momento, identificar se os corpos eram mesmo das vítimas.

O IML de Araxá na pessoa do coordenador e investigador Hudson Fiúza, com autorização do Delegado Regional, Dr. Vitor Hugo Heisler, na madrugada de domingo 26 de fevereiro, se deslocou e apoiou a Delegacia de Passos/MG, no transporte dos corpos para o instituto de criminalística em Belo Horizonte, onde foram realizados exames mais precisos. A causa do duplo homicídio ainda é desconhecida e corre sobre sigilo das investigações, e está sob a responsabilidade da Delegacia de Polícia Civil de Passos/MG.

Os exames realizados nos corpos em Belo Horizonte não precisaram se as vítimas foram mortas e depois carbonizadas ou se foi utilizado alguma arma no crime, dados estes que serão incluídos posteriormente no inquérito policial.

O coordenador do IML de Araxá, Hudson Fiúza, irá se deslocar na madrugada desta sexta-feira, 23, para a cidade de Belo Horizonte, onde irá remover os corpos para Araxá.

Os velórios estão marcados para acontecer no sábado, 25 de março, a partir das 09h, na Igreja Assembleia de Deus, localizada na avenida Aracely de Paula, 4229, Vila Silvéria.

Fonte: Willian Tardelli

Notícias relacionadas

Inscreva-se
Me avise:
guest
0 Comentários
Comentários em linha
Mostrar todos os comentários
0
Deixe seu comentário para essa notícia!x