Super banner
Super banner

Polícia Militar prende suspeitos de furto em bar

Polícia Militar prende suspeitos de furto em bar

Ocorrências

Nesta segunda-feira (11), por volta das 9h, a Polícia Militar (PM) esteve em um bar na rua Terêncio Pereira, região da Vila Andréa, onde uma funcionária de 33 anos relatou que ao chegar para trabalhar notou que alguém entrou no local pelo teto e subtraiu barras de chocolate, maços de cigarro de diversas marcas, utensílios de cozinha, peças de contrafilé utilizadas para fazer churrasco, ovos caipiras, além de moedas que estavam no caixa e uma TV LCD de 42 polegadas que ficava afixada na parede.

Ainda segundo informações da funcionária, ela desconfiava de alguns indivíduos que moram em uma casa inacabada nas proximidades do estabelecimento e que são conhecidos no meio policial pelo uso de entorpecentes.

Os policiais iniciaram rastreamentos no intuito de localizar os autores e os produtos furtados. Na casa ocupada pelos indivíduos, foi realizada uma busca no local, onde em um dos cômodos foram localizados três maços de cigarros, que foram apreendidos e reconhecidos pela vítima como marcas vendidas em seu estabelecimento comercial.

Pouco depois, através de informação de terceiros, a PM tomou conhecimento que os três supostos autores estariam na casa de um indivíduo que tem diversas passagens policiais por crimes diversos, inclusive tráfico de drogas. De imediato, a PM foi para o local, onde localizou os três suspeitos que foram identificados como A.A., 33 anos, L.C., 39, e a mulher M.I., 45.

A mulher relatou que estava deitada na casa quando já de madrugada o homem de 33 anos chegou e lhe deu um maço de cigarros e que também o ouviu falar sobre os produtos furtados.

Durante o desenrolar da ocorrência, a PM foi procurada pela mulher S.S., 42, que disse que os autores de 39 e 33 anos estavam de posse de algumas peças de contrafilé e de alguns utensílios domésticos, materiais que foram oferecidos a ela com preço bem abaixo do mercado para que fossem comprados. Ela então se negou a comprar os materiais e antes que o autor de 39 anos saísse deixou com ela um recipiente de vidro conhecido como pirex e pediu para que ela pensasse.

Diante das evidências, a PM realizou a prisão dos três indivíduos, que foram encaminhados à Delegacia de Polícia Civil para as demais providências.

Notícias relacionadas