Super banner
Super banner

Rede pública municipal já atende mais de oito mil alunos

Rede pública municipal já atende mais de oito mil alunos

Foto: Ascom PMA

Levantamento realizado pela Secretaria de Educação deu conta de que a rede pública municipal de Araxá já ultrapassou a marca dos oito mil beneficiados em prestação de serviços escolares. Os números foram apresentados durante a reunião de secretários na manhã de segunda-feira, 7, no Instituto Colombo.

Segundo o relatório até agora 8.169 estudantes estão sendo guarnecidos pelo município, deste total, mais de 90 por cento contemplam alunos entre a pré-escola e os anos finais da educação básica. Os demais são alunos dos programas municipais de educação para jovens e adultos.

Ainda de acordo com os dados, a rede pública de Araxá hoje é composta por 37 instituições de ensino, entre centros de educação infantil, escolas municipais de ensino fundamental, e unidades do EJA.

Além destas, já está concluída a construção do Pró-Infância, nas adjacências do bairro Francisco Duarte. O novo complexo educacional vai atender crianças com idades entre 0 e 12 anos e conta com toda a infra-estrutura e aparato pedagógico necessários para receber os alunos. Já está em tramite a licitação para a compra do mobiliário da escola, que deve entrar em funcionamento em janeiro de 2014. Também está em andamento a construção da escola do recém-entregue, bairro Max Neumann. O Empreendimento vai atender as quinhentas famílias beneficiadas pelas casas.

Cada unidade de ensino é provida de um projeto político pedagógico, que é orientado, acompanhado, avaliado e revisto anualmente pelo corpo de profissionais da secretaria de educação. Todo o plano de ação é respaldado na avaliação das atividades realizadas pelos professores em sala de aula.

Escolas como a Professor Nelson e Escola de Aplicação Lélia Guimarães (em anexo ao CSU no bairro São Geraldo), já contam com o Período Integral, sistema no qual o aluno passa o dia todo na escola, contando com o ensino regular e trabalhos extraclasse, como reforço escolar, práticas de esportes, atividades culturais entre outras. A escola Professora Auxiliadora Paiva, dentro do projeto Hortas Escolares, conta com uma parceria com o Oratório Nossa Senhora Auxiliadora, e ensina aos alunos técnicas de cultivo de hortaliças, que ajudam a enriquecer ao cardápio da merenda escolar.

De acordo coma Secretária de Educação Maria Célia Araújo Oliveira, a administração escolar desenvolve um trabalho forte no sentido de reter o aluno na escola, e isso tem diminuído sensivelmente os índices de evasão escolar na cidade. “Nós queremos que o aluno que entra na escola só saia depois de ter concluído o nível de ensino em que ele estava”, ressalta Maria Célia.

A principal preocupação da Secretaria de Educação é quanto à qualidade o serviço prestado, para isso, foi criado o Centro Cultural Crescer, órgão ligado ao governo municipal que trabalha na formação continuada de professores e outros profissionais da educação na rede pública. A instituição criada em 2011, em menos de dois anos já realizou quase 18 mil atendimentos, entre fóruns, debates, oficinas e cursos de capacitação.

Os treinamentos são feitos por professores de universidades federais, principalmente de Uberaba, Uberlândia e Belo Horizonte e englobam as áreas de aprendizagem, desenvolvimento humano, novas tecnologias e abordagens pedagógicas, com foco na aplicabilidade prática diária dentro de sala de aula. “Nós entendemos que todos são importantes nesse papel de se capacitar para oferecer a melhor educação”, diz Selma Maria de Oliveira, coordenadora do centro.

Tudo isso reflete nos resultados dos índices de educação básica apresentados em Araxá nos últimos tempos. A cidade saltou de 4.0 para 6.5 pontos segundo o último exame. Esta média está bem acima dos 5,9 pontos obtidos pelo Estado e coloca Araxá como referência em educação básica em Minas.

Assessoria de Comunicação Social da PMA

Notícias relacionadas