Super banner
Super banner

Sempre Um Papo encerra atividades de 2018 em Araxá com Marco Lucchesi, presidente da ABL

Sempre Um Papo encerra atividades de 2018 em Araxá com Marco Lucchesi, presidente da ABL

O Sempre Um Papo e a CBMM encerram as atividades 2018 do Sempre Um Papo, em Araxá, com o escritor Marco Lucchesi, presidente da ABL- Academia Brasileira de Letras, que falará sobre o tema “Sobre Machado de Assis, às vésperas dos 180 anos”, com lançamento e autógrafos em seus livros “O Bibliotecário do Imperador”, “O Dom do Crime” e “Hinos Matemáticos”. O evento será no dia 18 de dezembro, terça-feira, às 19h30, no Auditório da Associação Comercial (Avenida Getúlio Vargas, 365/Centro).

“O Bibliotecário do Imperador”: O personagem principal é Ignácio Augusto Cesar Raposo, bibliotecário de dom Pedro II. Este homem real, que foi testemunha dos bastidores do Palácio de Petrópolis e da Corte no Rio de Janeiro, é usado pelo autor como um fio-condutor, para que ele apresente as alterações no tabuleiro de poder e na vida cotidiana do Rio de Janeiro a partir da Proclamação da República. O bibliotecário do imperador não é, no entanto, um romance histórico típico. A narrativa muito ágil e cheia de referências montada por Lucchesi funciona como um jogo, em que personagens reais, como Ignácio e Pedro II, se misturam a figuras fictícias, como o barão de Jurujuba. O leitor é convidado a percorrer um fluxo de muitas vozes, no qual é tão difícil quanto fascinante discernir o que é dado real e o que é ficção.

“O Dom do Crime”: No livro, Lucchesi cria um delicioso narrador-autor, não identificado, que conta uma história para o futuro. Um homem do século XIX que, ao ser aconselhado pelo médico a escrever suas memórias, se lança não para a própria vida, mas sobre um crime passional, notícia no Rio de Janeiro de Machado de Assis. Esse misterioso narrador traça paralelos curiosos entre este assassinato, o julgamento que absolve o marido supostamente traído e a obra mais aclamada de Machado, Dom Casmurro. Terá o Bento de Machado qualquer coisa do real José Mariano? E Capitu teria sido inspirada em Helena, a esposa que sucumbe ao ciúme do marido? Todos os dados de ordem informativa, factual, foram longamente pesquisados e comprovados, em papel velho e fontes congêneres — tudo passou pelo crivo de Lucchesi. Mas, para além disso, o romance traz uma flutuação permanente entre literatura e documento, história e ficção.

“Hinos Matemáticos”: É um conjunto de poesias que busca um diálogo original entre a poesia e a matemática. Marco Lucchesi, em cada poema, traz um conceito matemático que traduz, em grande parte, o quanto poesia e matemática possuem semelhanças mais profundas. Complementam o livro algumas reflexões do autor a respeito da matemática, literatura e filosofia.

Notícias relacionadas

Inscreva-se
Me avise:
guest
0 Comentários
Comentários em linha
Mostrar todos os comentários
0
Deixe seu comentário para essa notícia!x