Super banner
Super banner

Vereador Raphael Rios conhece estrutura do Samu em Uberaba

Vereador Raphael Rios conhece estrutura do Samu em Uberaba


Em busca de um caminho para viabilizar a implantação do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) em Araxá, o presidente da Câmara Municipal, vereador Raphael Rios, esteve em Uberaba na última sexta-feira (06). Raphael aproveitou a oportunidade para entender como funciona o sistema de regulação de vagas de leitos hospitalares, além de tirar todas as dúvidas referentes ao serviço.

A coordenadora Geral do Samu, Ana Paula Jardim, recebeu Raphael na sede da unidade, que está em funcionamento desde 2007. Ela explicou sobre a política no sistema tripartite, com custos divididos entre governo municipal, estadual e federal. “O Samu exerce um serviço essencial, porém a maioria das pessoas só entende isso quando precisa do atendimento”, destaca.

De acordo com ela, o Samu de Uberaba tem cinco ambulâncias para atendimento. Quatro delas em funcionamento e uma reserva para eventos. A frota é composta por uma Unidade de Suporte Avançado com equipe composta por um médico, um enfermeiro e um condutor-socorrista. E três Unidades de Suporte Básico, e tem equipe composta por um condutor-socorrista e um técnico em enfermagem. O Samu Uberaba conta também com uma “motolância” que é conduzida por um técnico em enfermagem e tem o objetivo de chegar mais rápido para realizar atendimentos urgentes.

De acordo com Ana Paula, o Samu Uberaba conta com 90 servidores e realiza, em média, três mil atendimentos por mês. Segundo ela, cerca de 30% desses atendimentos são resolvidos pelo telefone, com instruções do médico em atendimento. Ainda, segundo ela, existe um Termo de Cooperação com o Corpo de Bombeiros, para auxílio nos atendimentos, que vão desde o auxílio na imobilização dos pacientes acidentados, até a retirada das ferragens em acidentes veiculares. “Dentro do Termo de Cooperação, contamos com uma linha direta, em que são transferidos os chamados diretamente relacionados ao Samu”, explica.

Ela destaca ainda a importância do Samu, considerando que as ambulâncias contam com profissionais de saúde altamente qualificados, além de serem equipadas com medicamentos e equipamentos específicos para casos de urgência e emergência.

Raphael conheceu a motolância e as ambulâncias de atendimento básico e avançado. Ele conversou com os profissionais que realizam a regulação médica e que fazem o atendimento aos pacientes. Ele destaca que Araxá tem condição de oferecer o serviço para a comunidade dentro de um bom planejamento. “O Samu ajuda a salvar vidas e traz uma resposta rápida à população. Além disso, ajuda a desafogar os inúmeros atendimentos que atualmente são centralizados no Corpo de Bombeiros”, destaca.

Notícias relacionadas

Inscreva-se
Me avise:
guest
0 Comentários
Comentários em linha
Mostrar todos os comentários
0
Deixe seu comentário para essa notícia!x