Mulher com suspeita de gripe suína morre na Santa Casa

Mulher com suspeita de gripe suína morre na Santa Casa

Uma mulher com suspeita de gripe suína e que estava na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) da Santa Casa de Misericórdia morreu na manhã de hoje (27). Ela também estava grávida há pelo menos sete meses. Os médicos tentaram manter o bebê, que foi retirado na semana passada, e também não resistiu.

O secretário municipal de Saúde, Antônio Marcos Belo, há duas semanas divulgou que uma mulher que esteve na Argentina havia morrido com suspeita da nova gripe, mas se enganou e considera este caso como a primeira morte em Araxá entre os registrados com a suspeita. 

Microrregião

A Santa Casa de Misericórdia está prestando atendimento de pessoas da microrregião de Araxá com suspeitas de gripe suína. São três mulheres de Ibiá – uma está internada na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) – e um homem de Santa Juliana.

Duas pessoas de Araxá continuam na UTI e outras seis estão em observação. Até agora dois casos foram descartados pela Secretaria Municipal de Saúde – o de uma mulher que teve contato com um turista mexicano e o de uma mulher que morreu de complicações respiratórias e era soropositiva.

Números

– Total de registros de casos suspeitos na Santa Casa – 16
Araxá (12), Ibiá (3) e Santa Juliana (1)

– Casos investigados atualmente – 14
Araxá – 6 homens e 3 mulheres; Ibiá – 3 mulheres; Santa Juliana – 1 homem

– Casos descartados – 2

– Pessoa morta com suspeita de gripe suína – 1

Notícias relacionadas