Prefeitura assina ordem de serviço para construção da sede própria do Cemei Dom Pixote

Prefeitura assina ordem de serviço para construção da sede própria do Cemei Dom Pixote

O Centro Municipal de Educação Infantil (Cemei) Dom Pixote, que há anos funciona em imóveis alugados, contará em breve com sede própria. A ordem de serviço para a construção da unidade foi assinada pelo prefeito Aracely de Paula na segunda-feira (9). O novo Cemei será instalado ao lado da Escola Municipal Alice Moura, que também terá sua sede e está perto de ser inaugurada. A arquitetura para as duas escolas é a mesma.

A obra será executada pela Construtora JM Gomes, de Belo Horizonte. O engenheiro responsável Luiz Fernando Gomes destaca que cerca de 60 empregos diretos estão previstos, com 99% da mão de obra composta por pessoas residentes em Araxá. A construção deve durar 12 meses e está orçada em R$ 2.58 milhões.

De acordo com o secretário municipal de Obras Públicas e Mobilidade Urbana, Sebastião Donizete de Souza, o Cemei Dom Pixote atenderá 120 crianças de 4 meses a 5 anos, em tempo integral. A creche será dividida em quatro setores.

O setor pedagógico contará com 4 salas de aulas para berçário, maternal, 1º e 2º período; 2 salas com fraldário e sanitário independente, solário, sala de informática, sala para descanso, sala de reforço.

No setor recreativo: pátio coberto e playground.

No administrativo: secretaria, coordenação, diretoria, sala dos professores e sala de arquivos.

No setor de serviços: refeitório, cozinha, sanitários, escovário, lavanderia, higienização, lactário, vestiário, despensa e entrada de serviços independente.

A secretária municipal de Educação, Gessy Glória Lemos, ressalta que é uma obra importantíssima para uma região carente de unidades escolares. “Agora o setor terá atendimento completo com creche, pré- escola e ensino fundamental. A arquitetura é a mesma da escola Alice Moura, com a mesma beleza, terá tudo que uma escola precisa para oferecer atendimento completo.”

Aracely de Paula informa que o objetivo é privilegiar todos os setores da cidade. A Vila Silvéria é uma região que tinha menos ação do poder público e estão resolvendo o problema de escolas que existiam num caráter perambulante, sem local fixo.

Destaca ainda que a Escola Alice Moura existe há mais de 50 anos sem sede própria e fizeram questão absoluta de colocar as duas escolas com referência arquitetônica, para reparar a falta de atenção que se teve com elas há muitos anos.

“Uma escola sem sede própria, fica sem referência, não traz para o aluno o calor de estudar em um prédio que ele considera como seu. Também estamos capacitando cada setor de Araxá para que tenha equipamentos próprios na área da educação, da saúde, uma estrutura necessária para que as pessoas consigam viver bem em dentro da cidade”, finaliza.

Notícias relacionadas

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *