Super banner
Super banner

Caiçara e GEF empatam e seguem invictos

Caiçara e GEF empatam e seguem invictos

GEF e Caiçara, que ainda não perderam na competição, assim como o Dínamo, se enfrentaram na manhã de hoje (26), na AEF, e empataram em 1 a 1, pela 11ª rodada do Campeonato Amador. A partida, que estava equilibrada, mudou de rumo quando Malaia e Fabrício foram expulsos, ainda no 1° tempo. O Caiçara sentiu menos e o GEF teve que lutar para empatar a partida após sair perdendo. Na próxima rodada, o GEF tem o CIT pela frente; já o Caiçara tenta se manter bem na competição contra o lanterna Malvinas.

> Classificação do Amadorão
>
Tabela de jogos do Amadorão

Expulsões

Com as duas equipes se estudando bastante, a primeira boa jogada demorou a sair e só veio aos 12 minutos. Vertinho cobrou falta com veneno, o goleiro Rodrigo foi para a bola, que passou tirando tinta do poste esquerdo. O GEF acordou e, por duas vezes, não marcou porque o goleiro João Paulo estava esperto no lance.

Na primeira jogada, aos 17, Ariterlan chutou de fora da área e, mesmo sem jeito, o goleiro fez a catada. Logo aos 24, Alex Rodrigues recebeu passe de Malaia e bateu no canto esquerdo de João Paulo, que desviou para escanteio.

Depois da batida do tiro de canto, Malaia e Fabrício se estranharam e o árbitro Murilo Gonçalves foi muito rigoroso em expulsar os dois jogadores. Com um a menos de cada lado, a partida caiu bastante e só nos minutos finais o Caiçara, que já dominava a partida, conseguiu curar boas jogadas.

Aos 37, Elvinho tabelou com Rildo, ganhou na corrida, mas chutou mal na saída de Rodrigo. Três minutos depois, numa cobrança de escanteio, Walton bateu bem, Geovane subiu livre, leve e solto, mas a cabeçada não foi lá essas coisas.

Caiçara sai na frente, mas GEF busca a igualdade

As equipes voltaram para a segunda etapa e pouco mudou. O GEF permaneceu recuado, com dificuldades para sair jogando e o Caiçara com mais volume de jogo. Aos 10 minutos, Geovane recebeu passe açucarado dentro da área, a zaga do GEF parou, mas o atacante furou em frente ao goleiro Rodrigo.

A segunda grande chance desperdiçada pelo Colorado veio logo em seguida. Jean Dener afastou mal e Vertinho teve vida boa pela direita, porém Rodrigo saiu bem do gol e o lateral-direito acabou chutando para fora.

De tanto tentar acabou dando certo. Aos 25, Geovane iniciou contra-ataque e fez a ligação pela ponta esquerda com Rildo, o jogador viu Elvinho bem posicionado na área alviverde e fez o cruzamento, que o atacante não desperdiçou.

Perdendo a invencibilidade na competição, o GEF teve que sair para o jogo e conseguiu o empate. Após cobrança de falta bastante contestada pelo Caiçara, o goleiro João Paulo deu rebote e Alex Rodrigues ficou com a sobra. Ele teve calma, encarou a marcação e quando cruzou a bola bateu no braço de Geovane.

Murilo Gonçalves marcou pênalti, aos 34. O meia Túlio, transformado em atacante com a expulsão de Malaia, foi para a cobrança e deslocou o jovem goleiro do Caiçara para empatar a partida.

Bem que o Caiçara pressionou e teve uma falta na entrada da área e dois escanteios para buscar a vitória, mas o GEF se safou e saiu satisfeito com o empate.

Ficha técnica

GEF: Rodrigo, Jean Carlos, Caixeta, Emerson e Jean Dener (Gustavo); Timinho, Ariterlan, Rafael Bundinha (André) e Túlio (Armindo); Malaia e Alex Rodrigues.
Treinador: Cláudio Macedo

Caiçara: João Paulo, Vertinho, Hélio, Ricardo e Willian; Dedé, Fabrício, Rildo (Jaílson) e Walton; Geovane e Elvinho (Amarildo).
Treinador: Edvaldo Pelanca.

Árbitro: Murilo Gonçalves.
Auxiliares: Noel Pereira França e Sebastião Prosolino.

Cartões amarelos: Tião, Hélio, Dedé, Geovane e Elvinho (Caiçara); Rodrigo, Timinho, Alex Rodrigues, Rafael Bundinha e André (GEF).

Cartões vermelhos: Fabrício (Caiçara) e Malaia (GEF).

Gols: Elvinho, aos 25 minutos do 2º tempo, e Túlio, aos 37.

Notícias relacionadas