Comitê de Enfrentamento ao Covid-19 de Araxá define novas restrições

Comitê de Enfrentamento ao Covid-19 de Araxá define novas restrições

Com a grande taxa de ocupação de leitos clínicos e de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) e a dificuldade de contratação de profissionais de saúde para atuarem no tratamento de casos suspeitos e confirmados de Covid-19, o Comitê de Enfrentamento à doença definiu novas regras de restrições na cidade. O objetivo é reduzir a velocidade do contágio do coronavírus e o número de casos confirmados no município.

Uma reunião na última segunda-feira (15), no auditório da Prefeitura de Araxá, contou com a participação do prefeito Robson Magela, do vice-prefeito Mauro Chaves, da secretária municipal de Saúde, Diane Dutra, de 14 vereadores e da promotora da Justiça curadora da Saúde, Dra. Mara Lúcia Silva Dourado. No encontro foram debatidas as ações de restrições para frear o aumento dos casos de coronavírus na cidade.

As sugestões foram levadas para análise do Comitê de Enfrentamento. Após debate, as novas deliberações foram publicadas pelo prefeito Robson Magela através de decreto municipal.

“Ontem nós tivemos uma reunião com todos os vereadores e ainda a Dra. Mara Lúcia, representando o Ministério Público, para que pudéssemos ouvir todas as sugestões. Estamos preocupados com o comércio. Mas também estamos preocupados com vidas. Hoje estamos com quase todos os leitos de UTI ocupados em Araxá. Eu sei que podemos ser criticados por essas medidas de restrições. Mas eu prefiro ser criticado do que deixar o município perder vidas por falta de atendimento médico”, destaca Robson.

O presidente da Câmara Municipal de Araxá, Raphael Rios, relata que a preocupação maior é faltar leitos de UTI em algum momento. “Nós demonstramos nossa preocupação em relação aos leitos e à questão de não colapsar o sistema de saúde na reunião que tivemos com o prefeito. Pode ser que qualquer um de nós ou de nossos familiares precise de leitos. Estamos falando de vidas. Por isso, pedimos uma análise técnica, com números que demonstrem a real situação da cidade para que as medidas fossem tomadas.”

Novo Decreto

De acordo com o novo decreto, fica determinado para os próximos 15 dias as seguintes medidas:

– Proibição de venda de bebidas alcoólicas em qualquer estabelecimento;

– O comércio, incluindo lojas de conveniência situados ou não em postos de combustíveis, funcionará de segunda a sexta-feira até às 18h e aos sábados até meio-dia;

– O comércio em shoppings, galerias e pátios poderão funcionar de segunda a sexta-feira até às 18h e aos sábados até meio-dia;

– As praças de alimentação localizadas em shoppings, galerias e pátios poderão funcionar de segunda a sexta-feira até às 18h, aos sábados até 20h e aos domingos até 15h. Após estes horários poderão funcionar com venda remota (delivery), sendo proibida a retirada no local;

– Supermercados, mercados, mercearias e padarias poderão funcionar de segunda a sábado até às 19h, sendo proibido o consumo de alimentos no local. Aos domingos e feriados permanecerão fechados;

– Restaurantes, pizzarias, lanchonetes e bares poderão funcionar de segunda a sábado até às 20h e aos domingos até às 15h. Após estes horários poderão funcionar com venda remota (delivery), sendo proibida a retirada no local;

– Nas feiras livres fica proibido o consumo de alimentos no local;

– Os playgrounds dos estabelecimentos comerciais permanecerão fechados;

– Academias e demais estabelecimentos voltados à prática esportiva funcionarão de 5h às 18h e aos sábados até meio-dia;

– As atividades recreativas ou coletivas, eventos locais e corporativos estão proibidos;

– Clubes sociais e cinemas permanecerão fechados;

– Ranchos e casas de festas permanecem proibidos de funcionarem.

Comitê de Enfrentamento ao Covid-19 de Araxá define novas restrições 1
Comitê de Enfrentamento ao Covid-19 de Araxá define novas restrições 2
Comitê de Enfrentamento ao Covid-19 de Araxá define novas restrições 3

Notícias relacionadas

Inscreva-se
Me avise:
guest
4 Comentários
Novos
Antigos Mais votados
Comentários em linha
Mostrar todos os comentários
4
0
Deixe seu comentário para essa notícia!x