Decreto define regras para retorno do ano letivo de 2021 em Araxá

Decreto define regras para retorno do ano letivo de 2021 em Araxá

Após deliberação do Comitê de Enfrentamento à Covid-19 realizada na terça-feira (26), o prefeito Robson Magela decretou a autorização para retorno gradual das aulas nos modelos remoto e híbrido (presencial e remoto) no ano letivo de 2021 nas instituições de ensino de Araxá.

As atividades das unidades escolares da Prefeitura de Araxá vão iniciar a partir de 10 de fevereiro, adotando exclusivamente o modelo remoto.

Já as escolas particulares deverão iniciar a partir de 1º de fevereiro, adotando exclusivamente o modelo remoto, e, a partir de 1º de março, o modelo híbrido. Antes do início das aulas, cada unidade particular deve se submeter a protocolo de segurança em saúde para a retomada das aulas mediante aprovação da Vigilância Sanitária Municipal.

As unidades estaduais e federais devem iniciar suas aulas em datas estabelecidas pelo Estado de Minas e o Governo Federal.

Ainda de acordo com o decreto, as medidas e datas estabelecidas poderão ser alteradas ou revogadas em decorrência de agravamento da pandemia em Araxá.

Uso de máscara

O decreto também reforça a obrigatoriedade do uso de máscara facial durante o deslocamento de pessoas pelos bens públicos comum (ruas, praças e estradas) e especial (edifícios, terrenos destinados a serviço da Administração Pública), e para atendimento em estabelecimentos com funcionamento autorizado, em especial para uso de meios de transporte público ou privado de passageiros e desempenho de atividades laborais em ambientes compartilhados, nos setores públicos e privados.

Álcool em gel

Está em vigor desde 7 de maio de 2020 a Lei Municipal 7.438, que exige a instalação de recipientes com álcool líquido ou em gel antisséptico 70% em estabelecimentos públicos e privados de atendimento ao público, como forma de ampliar as medidas de prevenção ao novo coronavírus para usuários, clientes e trabalhadores em Araxá.

Notícias relacionadas

40 Comentários

  1. Antonio Carlos

    Só as particulares. Motivo: o comitê cedeu à pressão da grana. Ainda não é a hora. Covid tá matando como nunca. Mas a rede particular precisa fingir que está tudo certo pra garantir o faturamento. E crianças são vetores silenciosos do vírus. Ainda tem negacionista que nunca soube a ocupação da UTI vindo aqui dizer bobagem. Viva a era das trevas desse jeito. A esses, só a dizer que perdemos 2 na família já. Acordem. Reflitam. Se cuidem. A melhor vacina é o comportamento social adequado.

    Responder
  2. Luciene ribeiro

    Graças as mães irresponsáveis liberaram as escolas….mães q estão doidas pra se verem livre dia filhos…mães q não está nem aí com essa pandemia… mães q vestiram shortinhos curtos e foram fazer bagunça nas ruas…. molecagem!!

    Responder
  3. Rita de Cassiano

    Se as pessoas não aceitar o tempo que estamos vivendo e ter paciência de esperar e adequar a citações , vai ter muito mais problemas e prejuízos, as regras tem que ser rígidas , não está na Hora de voltar às aulas presenciais não, multar quem não estiver de máscaras! ,,!!,,,,,,!,,,,,

    Responder
  4. Corina

    Espero que as funcionárias que limpam banheiros e salas de aula, não tenham também a função de servir comida para os alunos. E que os banheiros tenham álcool gel e principalmente sabonete líquido para as crianças lavarem as mãos, um produto que NUNCA esteve presente nas escolas públicas durante todos os anos passados.
    Já confirmado por cientistas: O ânus é o local de maior concentração da Covid-19, portanto fiquem atentos a qualidade dos produtos de higiene e limpeza enviados para as escolas, pois os adquiridos via licitações são sempre de péssima categoria, e atenção redobrada, principalmente com a limpeza efetiva e constante dos banheiros, talheres, pratos, bem como, aos serviços de manipulação de alimentos na cozinha e refeitório.
    Sem prevenção efetiva nas escolas teremos uma explosão de casos de infecções da COVID-19 nas residências de alunos.

    Responder
  5. Hamilton Borges

    Crianças estão indo a festas de família, parques, cinema… Tá na hora de retornarem as aulas sim! Comitê tá certíssimo.

    *UTI aqui nunca lotou (mesmo atendendo Araxá e região)

    *Para quem se refere a Manaus, com todo respeito as famílias que perderam seus entes, mas lá tem sido mais um exemplo de má gestão do que qualquer outra coisa.

    Responder
  6. Simone

    Tem pessoas que não se colocam no lugar dos filhos desde guiando criança vai suporta fica de máscara um período dentro da escola olha o tanto que é sofrido pra um adulto criança também senti medo se preocupa poxa tem pai que tem que parar de preocupa com trabalho e dinheiro e pergunta para seus filhos como estão se sentindo no meio disso tudo os meus não vai em aula presencial em quanto não arrumarem uma vacina decente que essa vacina falsificada nem eu vou toma

    Responder
  7. Sandra

    Não entendi, somente as escolas particulares terão aula híbrida a partir de março? Por que as publicas não?
    Outra coisa, não teremos imunização de rebanho tão cedo, quanto antes aprendamos a conviver com está nova realidade melhor e menos prejuízo para os alunos

    Responder
  8. Michele Goulart

    É né!!!e eu aqui sem saber aonde meus filhos irão estudar,ou seja bora virar o ano de professora de novo!

    Responder
  9. Cintia Daiana Pereira da Silva

    Só nas escolas q as crianças vão pegar pq no Barreiro ,Cristo, ruas, praças quadras piscinas ñ pegam ñ agente escuta cada coisa

    Responder
  10. Maria

    As aulas voltarão dia 10/02 de forma exclusivamente remota, nenhuma criança vai para escola. As atividades serão on line.

    Responder
  11. Denys

    Gente eu sei que é difícil para todos mais crianças não sabem se diferenciar o que e certo ou não eles podem os de máscara ou não vai se tornar a mesma coisa um vai achar a máscara do outro mais bonita e vai querer trocar e a verdade e que nas escolas ou em outro lugar não tem tem gente o suficiente para olhar a todos durante o expediente vai ser muito difícil controlar e muito complicado uns querem outros alguém tem que tomar uma atitude e nesse momento e difícil se todos tivessem pelo o menos tomado a vacina ou tivesse imuni eu concordaria que voltassem as aulas sim mais do jeito que está eu prefiro que não me desculpem essa e minha visão

    Responder
  12. Souza

    Ridículo esses comentários, cada um cuida da sua vida e dos seus filhos. Se não quer mandar os seus não manda, e não enche o saco de quem tem o direito de fazer seus filhos estudarem e não perderem mais 1 ano letivo. As escolas tem protocolos de segurança, sabia? Tá Td aberto até cinema, lugar fechado com ar condicionado, bando de hipocritas.

    Responder
  13. Bio

    E cada comentário besta tem que voltar as aulas sim , hipócritas que gostam de ir aos bares e festinhas mais para que filho ir a aula não pode vergonha mesmo crianças são mais imunes ao vírus que suas mentalidades podres .

    Responder
  14. Anonimo

    Essas pessoas que voltem a aula
    Não por estudo preocupa com o filho apreender e sim para descansar e ser vê livre dos filhos.
    Porque não tem outra explicação
    Pra querer mandar o filho pra aula pra correr riscos.

    Responder
  15. Daniel Nunes

    Devemos pensar bem porque tem muitos pais que se cuidam mais, tem uns que nem esquenta a cabeça com eles nem com os filhos, então…

    Responder
    1. Victor Mansiolli

      Negativo! Manaus chegou onde chegou graças à má gestão, e não à liberação de aulas presenciais.

      Responder
    1. Rodrigo Aparecido De Jesus

      Não na verdade remoto é quando vai pra escola e presencial quando fica na presença dos pais.Afff

      Responder
      1. Victor Mansiolli

        Raquel, o que querem que acreditemos é que o caos vai ser instalado. Mas não vai! Não podemos acreditar na histeria coletiva! Tem gente lucrando com o desespero da população.

        Responder
  16. Rosangela Dias
    Rosangela Dias

    Os meus vão, cada um toma atitude que achar melhor . E vamos parar com mimi, cada um sabe o que se passa em em sua casa então parem de se meter na vida alheia. Parem de julgar quem é a favor da volta as aulas presencias, respeitem a opinião alheia

    Responder
    1. Denise Gonçalves
      Denise Gonçalves

      Rosangela Dias vida de criança, ser humano inocente. Não é questão a ser discutida aqui, não. É com a justiça pois nem todos os pais são precavidos como era de se esperar.

      Responder
  17. Rosângela

    Não deixo não aceito meus filhos voltarem, fazem isso porque não são filhos deles.
    já está descendo no meu conceito.

    Responder
  18. Denise Gonçalves
    Denise Gonçalves

    Grande anúncio, continua a campanha à prefeitura, né. Enquanto, infelizmente não morrer parente de umas pessoas bem determinadas nesse país, é isso mesmo. Mais de 1300 mortos num dia e o povão discutindo , defendendo onde se enfia uma lata de leite condensado.

    Responder
  19. Rodrigo MV
    Rodrigo MV

    Foram 66 casos nas últimas 24 horas. Não é hora! Professores sem vacina, alunos desprotegidos e a doença se espalhando. A prefeitura não conseguiu fazer o número de casos diários baixar e que colocar crianças e adolescentes em espaço fechado? Absurdo! Não é hora! Tenham consciência!

    Responder
  20. Flavius

    A medida serve somente para o ensino particular e o ensino publico de Araxá esta sendo jogado a Deus sei lá, o Prefeito não investi em tecnologia.

    Responder

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *