Diagnóstico objetiva melhor aproveitamento de recursos para terceira idade, infância e juventude

Diagnóstico objetiva melhor aproveitamento de recursos para terceira idade, infância e juventude

O levantamento técnico vai nortear a distribuição e o planejamento dos recursos para que sejam elaboradas políticas públicas que atendam às necessidades desses segmentos.

O diagnóstico completo da realidade de crianças, adolescentes e idosos em Araxá foi divulgado nesta terça (19), no auditório do Centro Administrativo Presidente JK. A reunião apresentou os principais problemas enfrentados por crianças e idosos, apontando a necessidade de projetos que atendam as necessidades desse público.

O prefeito Aracely de Paula destacou a importância desse trabalho coletivo, solidário e integrado para aproveitar melhor os recursos repassados para a as entidades. “Somos solidários a toda e qualquer ação que vise o bem estar da nossa cidade e da nossa população em todas as faixas etárias, em todas as suas deficiências, daí a importância dessa reunião voltada para o trabalho.”

A reunião contou com a participação da promotora da Infância e da Juventude, Mara Lúcia Silva Dourado, assistente social da Companhia Brasileira de Metalurgia e Mineração (CBMM), Jaqueline Santana, secretária municipal de Governo, Lucimary Ávila, representantes do Conselho Municipal do Idoso e do Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente, mais 40 entidades que desenvolvem projetos voltados para esse público e convidados.

O secretário municipal de Ação e Promoção Social, Moisés Cunha, explicou que o diagnóstico foi elaborado de novembro de 2017 a março de 2018, com intuito de apresentar de forma técnica e oficial as potencialidades e as carências do município nessas áreas.

Assim, a Administração Municipal pode auxiliar o Terceiro Setor na apresentação de projetos com melhor qualidade técnica para atender crianças, adolescentes e idosos naquilo que eles realmente precisam.

“A sociedade está se transformando e temos o desafio de afastar crianças e adolescentes das drogas, criando oportunidades para eles. Com os idosos, nosso desafio é tirá-los das extremidades do seu lar para que possam frequentar serviços de saúde, de cultura, de lazer e continuar contribuindo para a sociedade.”

A promotora Mara Lúcia Silva Dourado ressalta que o diagnóstico é um documento extremamente importante que a lei exige, quando se trata da utilização dos recursos do Fundo Municipal do Idoso e do Fundo Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente.

Ele aponta os problemas que atingem os dois segmente e permite um planejamento para que os conselhos possam usar os recursos com maior eficiência, naqueles projetos que vão atender as necessidades apontadas. “O Conselho tem em mãos um bom documento que vai direcionar suas ações otimizando esse grande volume de recursos que vem da iniciativa privada”, diz a promotora.

O diagnóstico completo da realidade de crianças, adolescentes e idosos em Araxá foi repassado para os conselhos e será fornecido para as entidades que desenvolvem projetos para esse público na cidade.

Notícias relacionadas

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *