Estudantes do Uniaraxá retornam do Projeto Rondon

Estudantes do Uniaraxá retornam do Projeto Rondon

Após quinze dias de trabalho intenso, a Equipe de Rondonistas do Centro Universitário do Planalto de Araxá (Uniaraxá) retornou do Projeto Rondon, trazendo grandes experiências e muito aprendizado. Alunos e professores da Instituição participaram da Operação Parnaíba, no município de Regeneração (PI) – distante 140 quilômetros da capital Teresina. Lá, os Rondonistas desenvolveram diversas atividades em prol do desenvolvimento da comunidade local. Por meio da capacitação de multiplicadores da cidade, os trabalhos continuarão a serem desenvolvidos; garantindo, assim, benefícios permanentes.

Entre os últimos dias 17/01 e 03/02, os Rondonistas realizaram oficinas e atividades culturais, dentro dos eixos propostos no Conjunto B, desta edição do Projeto: Comunicação, Tecnologia e Produção, Meio Ambiente e Trabalho. Ao todo, foram 32 oficinas, que geraram mais de 550 certificados. Sete escolas públicas e três comunidades rurais do município, também, receberam as atividades.

Dentre as atividades que mais se destacaram estão: Doação de 68 mudas de árvores; Sarau Cultural; Festival Multicultural; Plano de Saneamento Básico (cujo público alvo foram gestores do município); Oficina “Como se destacar no Mercado de Trabalho”; Oficina “Conhecendo o Plano de Negócios”; Capacitação em Informática Básica; Oficinas relacionadas ao Meio Ambiente; Educação no Trânsito; Gincanas sobre Educação Ambiental, com distribuição de 90 cartilhas sobre o assunto.

Outro trabalho que se destacou foi a reativação da horta de duas escolas e uma oficina, com dicas sobre o plantio e a manutenção das hortaliças em outro colégio – que já utilizava a horta. Foi feita, também, a análise da qualidade ambiental da nascente do rio que passa pelo município. Os Projetos de Fossa Séptica e a construção de coletor de água de chuva foram deixados em uma escola e servirão de modelo para os estudantes de outras Instituições de Ensino.

O trabalho dos Rondonistas araxaenses teve grande importância na cidade.  “O trabalho ganhou muito destaque, tanto que tivemos um espaço na Rádio Comunitária (Tribuna FM) para falar sobre a Operação”, conta a Professora e Coordenadora da Equipe, Karina da Costa Souza. “Ficamos hospedados no Sindicato dos Professores (as duas Equipes, Uniaraxá e UNICRUZ, além do “Anjo” – o militar, Sargento Odair). Tivemos transporte (micro-ônibus) à disposição para os deslocamentos. Alimentação e água mineral; também, foram por conta do município. O dono de uma padaria levava o café da manhã no Sindicato todos os dias; e, as refeições eram feitas em um pequeno restaurante”, compartilha a Professora.

 

Sobre o Projeto Rondon

Trata-se de uma ação coordenada pelo Ministério da Defesa, em parceria com outros Ministérios (Educação, Saúde, Meio Ambiente, entre outros), governos estaduais e municipais e Instituições de Ensino Superior de todo o Brasil, que enviam às Operações Equipes de estudantes e professores de Cursos que estejam dentro dos eixos, propostos para a edição. Hoje, o Projeto Rondon é o maior projeto de extensão universitária do país.

Notícias relacionadas

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *