Moisés Cunha pede exoneração do cargo de secretário de Ação e Promoção Social

Moisés Cunha pede exoneração do cargo de secretário de Ação e Promoção Social
Foto: Moisés Cunha durante participação em Conferência Municipal - Divulgação

O assistente social Moisés Pereira Cunha pediu exoneração do cargo de secretário municipal de Ação e Promoção Social nesta quinta-feira (13), um dia depois do pedido de afastamento dele da função (apurado pela imprensa) pela Polícia Civil, além de proibição de órgãos públicos municipais e ter contato com servidores públicos, com os desdobramentos da Operação Malebolge.

Segundo a Polícia Civil, o pedido de afastamento teve manifestação positiva do Ministério Público e aguarda decisão da Justiça Eleitoral. Além dele, também foram pedidos o afastamento dos assessores e casal Lucimary Ávila e Leovander Gomes de Ávila. A polícia cumpriu, na terça (11), mandado de busca e apreensão na Secretaria de Ação e Promoção social, onde apreendeu o celular e o computador de uso do então secretário.

Em nota, a assessoria jurídica de Moisés Cunha relatou que “não existe em seu desfavor qualquer medida judicial de afastamento de suas funções públicas, bem como restrições de aproximação de órgãos públicos e contato com servidores municipais.

A nota cita ainda que Moisés pediu exoneração espontaneamente e encerra com um agradecimento ao prefeito Aracely de Paula pela oportunidade de nomeá-lo como secretário e agradeceu também aos funcionários da pasta.

Moisés Cunha ficou na função de secretário por dois anos e quatro meses. Antes disso, era assessor da mesma pasta responsável por projetos de cunho social.

A Assessoria de Comunicação da Prefeitura de Araxá confirmou o pedido de exoneração de Moisés Cunha.

Veja a nota na íntegra

Moisés Cunha pede exoneração do cargo de secretário de Ação e Promoção Social 1

Fonte: Diário de Araxá

Notícias relacionadas

Inscreva-se
Me avise:
guest
20 Comentários
Novos
Antigos Mais votados
Comentários em linha
Mostrar todos os comentários
20
0
Deixe seu comentário para essa notícia!x