Super banner
Super banner

PM prende três autores com veículos roubados na BR-146

PM prende três autores com veículos roubados na BR-146

Foto: Willian Tardelli

Nesta terça-feira (21), por volta das 13h, a Polícia Militar de Araxá recebeu uma ligação de uma empresa de monitoramento via satélite informando que um veículo Pajero, que havia sido roubado na cidade de Montes Claros, estava trafegando em alta velocidade pela rodovia BR-146. Outros dois veículos, uma Toyota/ SW4 e um GM/Cobalt, trafegavam próximo ao veículo suspeito.

Os três veículos empreenderam fuga em alta velocidade, porém próximo ao km 151, o condutor da Pajero parou o veículo e tentou entrar na SW4, que parou juntamente com o Cobalt. Os autores visualizaram uma viatura descaracterizada que seguia atrás e desconfiados, fugiram novamente em alta velocidade. O condutor da Pajero ficou para trás e correu para um matagal da região.

Através de um cerco e bloqueio realizado alguns quilômetros à frente, os dois veículos foram parados. Os condutores foram identificados como T.A.S de 29 anos (condutor da SW4) e W.F.S de 25 anos (condutor do Cobalt).

Foi verificado que os autores haviam trocado a placa do veículo furtado em Montes Claros. A placa original foi localizada no interior do veículo. Dentro da SW4 os policiais encontraram dinheiro espalhado, totalizando R$17.750 reais. Indagado sobre a procedência deste dinheiro, o condutor da SW4 não soube explicar sua origem.

Foto: Willian Tardelli

Foi verificado que o Cobalt também é produto de furto/roubo e que também estava com outra placa.

Os autores alegaram que não estavam juntos e que se encontraram na rodovia por coincidência. Os autores foram presos, os veículos, o dinheiro e quatro aparelhos celulares foram apreendidos.

Após intensas buscas no matagal , os militares da Patrulha Rural localizaram o autor/condutor da Pajero. F.P.C de 30 anos estava descalço, andando na rodovia. Após entrar em contradição diversas vezes ele assumiu que dirigia a Pajero, disse que é taxista e que o condutor da SW4 havia lhe entregado a Pajero em Montes Claros e que ele deveria levar o veículo para Uberaba onde receberia R$1mil. O terceiro autor também foi preso e lavado para a delegacia.

Notícias relacionadas