Prefeitura realiza melhorias no Estádio Fausto Alvim e libera público de até 600 pessoas para jogos do Araxá Esporte Clube

Prefeitura realiza melhorias no Estádio Fausto Alvim e libera público de até 600 pessoas para jogos do Araxá Esporte Clube

A Prefeitura de Araxá realizou reparos no Estádio Municipal Fausto Alvim e suas dependências para liberação dos jogos do Araxá Esporte Clube na 2ª Divisão do Campeonato Mineiro. O município tem apoiado a participação do time em competições oficiais e também aceitou o pedido do Ganso para liberar a presença de torcedores nos jogos, começando neste sábado (11), às 15h. A capacidade de público autorizada pela Secretaria Municipal de Saúde e publicada por decreto é de, no máximo, 600 pessoas. 

Os torcedores que forem ao estádio devem cumprir o Protocolo de Operação de Jogos da Federação Mineira de Futebol (FMF) e as medidas sanitárias vigentes no município. A equipe terá como obrigação de implementar as ações necessárias para que o público possa seguir todas as determinações previstas e o plano de contingência, em sua totalidade, apresentado pelo próprio clube. 

De acordo com o documento da FMF, as normas foram elaboradas com as devidas orientações da Secretaria de Estado de Saúde, e a presença de torcedores ficará condicionada à autorização da prefeitura de cada município. No protocolo constam, ainda, algumas restrições, como por exemplo, acesso proibido aos estádios para menores de 18 anos e gestantes. A comercialização de bebidas alcoólicas também não está permitida. 

Dentre as medidas para jogos do Araxá Esporte Clube, destacam o distanciamento de 1 metro entre torcedores nas arquibancadas, entrada e saída do estádio e apresentação de comprovante de vacinação e carteira de identidade (RG) para maiores de 18 anos, observando aqueles já contemplados dentro do cronograma de vacinação contra a Covid-19 do município, e que comprovarem, pelo menos, a imunização da 1º dose da vacina contra o coronavírus. 

De acordo com o secretário municipal de Esportes, José Antunes Soares Júnior (Dedé), o município tem apoiado o Araxá Esporte em toda demanda necessária para realização das partidas e treinamento da equipe. “Com as modificações realizadas, vamos oferecer toda estrutura física necessária para a comodidade dos jogadores, comissão técnica, arbitragem, imprensa e torcedores. Já deixamos claro ao clube a necessidade de se fazer cumprir todas as medidas sanitárias impostas pela FMF e os decretos municipais vigentes. Temos que tentar voltar à normalidade gradativamente e a saúde da população é nossa grande prioridade no momento.” 

Exigências do Protocolo da FMF 

– Não será permitida a presença de menores de 18 anos e gestantes;

– Estádio localizado em município inserido em Minas Gerais;

– Situação epidemiológica favorável;

– Medidas eficazes capazes de reduzir ou limitar o contato entre pessoas;

– Não será permitida a disponibilização e/ou comercialização de bebidas alcoólica;

– Comunicação sobre as medidas de prevenção (distanciamento, uso correto e universal de máscara, higienização e etiqueta respiratória, isolamento de sintomáticos, etc.);

– Controle de temperatura corporal: em caso de temperatura superior a 37,5°c, o indivíduo será impedido de acessar a arquibancada.

 De acordo com o documento da FMF, “caberá ao clube mandante providenciar a instalação de frascos dispensadores de álcool gel por todo estádio, além de sinalização explicativa sobre as medidas de proteção a serem tomadas (higiene, uso obrigatório de máscaras, distanciamento, proibição de contato físico, etc)”.

 O documento diz ainda que “todos os ambientes deverão ser higienizados/desinfectados previamente à chegada dos membros das delegações, de acordo com as recomendações das autoridades sanitárias. Os funcionários responsáveis por essa desinfecção deverão dispor de todo o material de proteção necessário, respeitando os critérios sanitários obrigatórios”.

 Caberá às equipes mandantes o cumprimento integral do protocolo. Nesse sentido, todos os estádios deverão oferecer condições para o cumprimento das recomendações das autoridades sanitárias, principalmente no tocante ao acesso e à circulação de pessoas, que deve ser feita de forma segura e com o distanciamento necessário. Em todas as partidas com presença de público serão enviados fiscais da FMF para fiscalizar e garantir o cumprimento dos protocolos.

 Deverá ser desenvolvido um plano de contingência especial com informação às autoridades locais, em especial as autoridades de segurança pública, com horário e locais definidos para cada jogo, em concordância com as normas estabelecidas pelas autoridades de saúde locais.

Notícias relacionadas

Inscreva-se
Me avise:
guest
0 Comentários
Comentários em linha
Mostrar todos os comentários
0
Deixe seu comentário para essa notícia!x